Connect with us

Polícia

Ação conjunta combate organização criminosa especializada em roubo a bancos no Paraná

Publicado

em

Ação conjunta combate organização criminosa especializada em roubo a bancos no Paraná

Cerca de 50 policiais federais e policiais militares do Paraná deflagraram na manhã de terça-feira, 26, a segunda fase da Operação Resposta, que tem como objetivo combater uma organização criminosa especializada em roubo a bancos no Estado.

Foram cumpridos um mandado de prisão preventiva e cinco de busca e apreensão em Curitiba e região metropolitana.

Durante a ação policial, as equipes apreenderam um fuzil, várias munições, um capacete e um colete balístico.

Investigação

As investigações começaram no dia 20 de fevereiro de 2020, logo após a organização criminosa roubar uma agência bancária na cidade de Telêmaco Borba, no interior do Paraná. O grupo usou explosivos para abrir os caixas eletrônicos. Durante o assalto houve confronto, um policial militar foi morto.

Ações conjuntas resultaram na prisão de diversos assaltantes de banco, apreensão de fuzis, coletes balísticos, drogas, dinheiro e documentos falsos.

Nesta fase da operação o alvo era uma das lideranças da organização criminosa, que tem um extenso currículo na área de assalto a banco, sendo suspeito de participar de grandes roubos a bases de valores, sempre na modalidade “Tomada de Cidades”.

O preso e os materiais apreendidos serão encaminhados para a Superintendência da Polícia Federal em Curitiba, que segue com as investigações.

Com informações e foto da Comunicação Social da Polícia Federal em Curitiba.

Leia também: DEPEN transfere 213 detentos de carceragens no Litoral