conecte-se conosco

Eventos

Festa do Bom Jesus na Comunidade de São Miguel terá barcos saindo de Paranaguá

Travessia de Paranaguá até a comunidade é de aproximadamente 1h20

Publicado

em

Foto: Divulgação / Barcopar

Neste fim de semana acontece mais uma edição da Festa em Louvor ao Senhor Bom Jesus, na Comunidade Marítima de São Miguel, em Paranaguá. Além dos moradores da região, devotos de outras localidades participam da programação no sábado, 6, e domingo, 7.

A Associação dos Proprietários de Barcos de Turismo e Transporte do Estado do Paraná (Barcopar) dispõe de embarcações que estarão realizando a travessia de Paranaguá até a Comunidade de São Miguel com vários horários de saída do trapiche da Rua da Praia, no centro Histórico.

Para os dias da festa religiosa, Eron Farney Brito Nascimento, administrador e sócio da Barcopar, espera que o movimento aumente na travessia até a comunidade marítima. “É esperado um bom movimento, pois a gente vem notando que, conforme a queda na pandemia está sendo bem procurada as comunidades que pertencem ao município e São Miguel é uma delas. Com isso, esperamos um grande movimento, pois os moradores de São Miguel estão de braços abertos esperando os turistas chegarem e conhecerem a localidade”, disse.

Para a Festa do Bom Jesus, em São Miguel, a Barcopar divulga os dias e horários das travessias para a comunidade marítima. Sábado, 6, as saídas serão às 12h e às 16h. Já no domingo, 7, o retorno da Comunidade de São Miguel será às 15h. O valor cobrado é de R$ 20 a ida e R$20 a volta, por pessoa. Os barcos que estarão realizando as travessias serão: São Miguel Arcanjo, Senhor Poderoso e Juba.

Muito conhecida por sua hospitalidade singular, São Miguel é uma comunidade que guarda tradições caiçaras e a travessia gira em torno de 1h. “A duração do trajeto de Paranaguá até São Miguel é de aproximadamente 1h20, dependendo da maré, mas é bem tranquilo. Só o passeio também já vale, passamos pela baía de Paranaguá, mangues, comunidades e o turista fica maravilhado com o ecoturismo e vendo as belezas naturais na nossa região”, destacou Eron.

O administrador e sócio da Barcopar observou que com a flexibilidade dos serviços e a queda na pandemia possibilitaram a retomada de viagens frequentes e ao mesmo tempo a vinda de turistas querendo conhecer a região, cercada pela baía, ilhas e comunidades. 

“Graças a Deus com a baixa da pandemia a região tem sido bastante procurada as comunidades como Piaçaguera, Amparo, o próprio passeio até o Porto de Paranaguá, Ponta do Ubá, São Miguel, Ilha do Mel”, comentou Eron, enfatizando que os barcos oferecem segurança e são todos fiscalizados pela Capitania dos Portos do Paraná.

Foto: Divulgação / Barcopar

Eron Farney Brito Nascimento, administrador e sócio da Barcopar, convidou a população para participar e prestigiar a Festa em Louvor ao Senhor Bom Jesus, na Comunidade Marítima de São Miguel, em Paranaguá. “Venha para São Miguel, você vai gostar, será bem recebido, é uma comunidade bonita, simples, mas bem cativante por suas belezas naturais. Venha para a festa, aproveite o sábado e domingo, apenas R$ 20 a ida e R$ 20 a volta, vale a pena. Vamos comemorar juntos, irá gostar”, convidou

Comunidade Marítima de São Miguel

A Comunidade Marítima de São Miguel está localizada na baía de Paranaguá, cerca de 1h de distância saindo de Paranaguá com embarcação a motor. O local é também conhecido como “Saco da Tambarutaca”, fazendo referência à ocorrência comum a tempos atrás deste crustáceo.

Muito conhecida por sua hospitalidade singular, São Miguel é uma comunidade que guarda tradições caiçaras como a Festa do Bom Jesus, a Folia do Divino, a casa de farinha, as canoas de um tronco só. Isso, além de conter uma Mata Atlântica preservada. A população vive essencialmente da pesca do siri, como fonte de renda e alimentação.