conecte-se conosco

Esportes

Sesc Paranaguá firma parceria com o projeto social da atleta Ágatha Rippel

Evento contou com a presença diretor regional do Sesc PR, Emerson Sextos, da idealizadora e madrinha do projeto a medalhista olímpica e campeã mundial de vôlei de praia, Agatha Bednarczuk Rippel, do conselheiro do Sesc PR, Eduardo Rubens de Andrade, que formaram a mesa diretiva do evento

Publicado

em

O Projeto Aprender & Jogar do Sesc Paranaguá assinou na tarde de sexta-feira, 29, uma parceria com o Projeto Ágatha CT, da jogadora de vôlei de praia Ágatha Bednarczuk Rippel.

O evento aconteceu nas dependências da Unidade do Sesc Paranaguá e contou com a presença do diretor regional do Sesc PR, Emerson Sextos, da idealizadora e madrinha do projeto a medalhista olímpica e campeã mundial de vôlei de praia, Ágatha Bednarczuk Rippel, do conselheiro do Sesc PR, Eduardo Rubens de Andrade, que formaram a mesa diretiva do evento. Também estiveram presentes o gerente do Senac Paranaguá, Agnaldo Camilo Monteiro, gerente de esportes e lazer do Sesc PR, Lucas Chaves, representante do Sindilojas Paranaguá, Said K. Omar, representante do Núcleo Regional de Educação de Paranaguá, Adauto Santana, a secretária do projeto Ágatha, Adriana Rippel, convidados e atletas do projeto.  

O diretor regional do Sesc Paraná, Emerson Sextos, destacou que a parceria vem engrandecendo o litoral. “Temos um projeto chamado Aprender e Jogar onde concedemos uma iniciação esportiva a crianças de baixa renda. A Ágatha tem o seu projeto de vôlei de praia, que também é um projeto com pessoas de baixa renda, e pensamos porque não unir forças. Ele tem crianças que participam do projeto por dois ou três dias na semana e ficam ou outros dois dias sem atividades. Nós temos aqui no Sesc atividades que podem complementar, e vamos trazer estas crianças para cá para fazer atividades do Aprender e Jogar voltada ao vôlei, onde vai conseguir uniforme, alimentação e atividades não só esportivas, mas também na área cultural, educacional e outras atividades realizadas pelo Sesc”, destacou Sextos, enfatizando que atleta é a referência no vôlei de praia brasileiro e internacional. “Nada é mais importante do que ter uma criança motivada, e quando elas olham a Ágatha elas podem enxergar grandes exemplos, e assim chegar onde quiserem, basta dedicação no seu desempenho e o futuro a eles pertence”, completa.  

Para a madrinha do projeto, Ágatha Rippel, é um momento de muita alegria e celebração. “Nós já tínhamos uma parceria com o Sesc há alguns anos, pois sempre que precisávamos fazer um evento nosso lá no Aeroparque era um parceiro nosso, levando brinquedos e recreadores. Agora estamos estendendo a parceria através do projeto Aprender e Jogar através de um contato deles para a gente trazer para o Sesc um pouco do conhecimento do projeto Ágatha para as atividades aqui dentro da empresa. Não tivemos dúvidas de aceitar esta parceria e estamos bem felizes mesmo de poder estar junto  com o projeto Aprender e Jogar dentro do Sesc, podendo trazer o vôlei de praia para cá, e eu podendo também ser uma madrinha das crianças que participam e estarão praticando na unidade Paranaguá, então estou bem feliz”, externou Ágatha .

A secretária do Projeto Agatha CT, Adriana Rippel, explica que a partir da próxima semana os interessados já podem fazer suas inscrições. “Neste primeiro momento estarão sendo disponibilizadas 50 vagas para crianças de 7 a 12 anos e que a família tenha uma renda abaixo de dois salários mínimos, e os treinos serão nas terças e quintas. As inscrições serão realizadas aqui no Sesc a partir da próxima segunda-feira. Lembrando que estes atletas poderão treinar nos dois projetos Aprender e Jogar no Sesc e no projeto Ágatha CT”, informa Adriana Rippel.

Após, as assinaturas do convênio, os presentes fizeram uma visita ao ginásio da unidade Paranaguá, acompanhando já algumas crianças realizando atividades do projeto.

Aprender e Jogar

O Aprender & Jogar é um projeto de iniciação esportiva, gratuito, voltado para crianças de seis a 17 anos, criado em 2013 e realizado em parceria com prefeituras, secretarias de Educação e Esporte, associações e instituições sociais, em 30 cidades do Paraná. Em 2021, foram realizados, em todo o estado, mais de 90 mil atendimentos pelo projeto.

A iniciativa socioesportiva da atleta foi criada há 14 anos com o objetivo de fazer a diferença na sua cidade do coração e utilizar o esporte como ferramenta de transformação social. A parceria alia tradição e consolidação no esporte do Sesc Paraná, com 74 anos de atuação no estado, a expertise da jogadora profissional e medalhista olímpica.

As aulas do Aprender & Jogar são ministradas por profissionais de Educação Física que aplicam uma metodologia exclusiva para apresentar aos alunos, no contraturno escolar, as mais diversas modalidades esportivas. O projeto prima pelo desenvolvimento individual e coletivo do aluno, a sua cultura corporal, por meio do ensinar o esporte e praticar a educação.

Além das atividades esportivas, os alunos participam também de festivais esportivos, passeios pedagógicos. Aos professores de Educação Física são ofertadas captações sistemáticas. O foco do Aprender & Jogar está no desenvolvimento integral e global do aluno.

Projeto Ágatha CT

Criado em abril de 2008 em Paranaguá, cidade do coração da atleta Ágatha Bednarczuk Rippel, o projeto Ágatha CT tem como principal objetivo usar o esporte como ferramenta, na formação das crianças e adolescentes.

O projeto oferece gratuitamente aos alunos de sete a 17 anos treinamento de vôlei de praia e também o treinamento funcional aos adultos. O único requisito é que a criança esteja matriculada no colégio e tirando boas notas.

Confira algumas imagens do evento