Connect with us

Economia

Expectativa do comércio para a Páscoa é de leve aumento nas vendas

Cenário apresentado é para os setores do comércio que trabalham com produtos relacionados à Páscoa. As lojas abrem de segunda a sexta-feira, das 9h às 19h.

Publicado

em

O feriado da Páscoa que este ano será no domingo, 4 de abril, pode destoar do cenário de festividade e de alta nas vendas visto em anos anteriores, em virtude do avanço da pandemia do novo Coronavírus em todo o País, que vem impactando no comércio em geral. 

Mesmo assim, se tudo correr dentro deste “novo normal” imposto pela Covid-19, a expectativa é de um aumento de 10 % nas vendas em relação ao ano passado, para os setores que trabalham com produtos relacionados a Páscoa, avalia Anwar Hamud Hamud, diretor da Câmara do Comércio Varejista da Associação Comercial, Industrial e Agrícola de Paranaguá (ACIAP). “O comércio vê um aumento em torno de 10 a 15% com relação ao ano passado. Logicamente isso é um percentual de uma expectativa, não significa um valor real, tendo em vista que o comércio local está trabalhando de segunda a sexta-feira, e ficando fechado nos finais de semana. Diante deste cenário todo e do cenário que passamos em decorrência da pandemia, o comércio espera este aumento nas vendas para a Páscoa. Mas vale explicar que tipo de comércio tem esta expectativa. Excluindo o comércio ampliado que são os supermercados, postos de gasolina e autocenter, vamos focar no comércio varejista tradicional, que basicamente compõem o comércio local, que vende confecção, calçados, brinquedos, papelaria, presentes, vemos que para este comércio a data não representa um volume alto nas vendas. E desde o ano passado, com a pandemia, representa bem menos, o que significa que os consumidores não aproveitam a data para comprar um ou outros itens desse segmento desse tipo de comércio. Vemos que o crescimento estará voltado aos supermercados, mercados, quem trabalha com alimentos ou com produtos circulares a Páscoa”, destaca Hamud, enfatizando que hoje o comércio está trabalhando de forma restritiva, e muitos com horários reduzidos. “Não vemos um movimento grande no comércio, pois o momento pede para que as pessoas fiquem em casa, não sai para a rua, mas é bom salientar que apesar que o consumidor não venha, o comércio está atendendo de segunda a sexta, bem como funciona por entrega, por atendimento via aplicativo de mensagem ou pelas redes sociais. Então é bom a gente destacar também que mesmo que o consumidor não possa estar vindo ao centro comercial ele tem as opções digitais para realizar a sua compra”, completa. 

O presidente do Sindilojas, Said Kaled Omar, enfatiza que a expectativa é de que haja uma melhora, pois o mês de março deixou muito a desejar ao comércio. “Mas especificamente quanto às vendas de Páscoa na verdade a maioria das lojas não vai investir em chocolates, apenas os mercados e minimercados. Creio que a esperança é o final de mês, quando as pessoas possam gastar um pouco mais. Nesta data as crianças não querem roupas, mas chocolates. Vale também destacar que o consumidor está com o orçamento apertado, e só vai ser gasto o necessário. Com isso, nós precisamos nos reinventar para acompanharmos a evolução das coisas”, externa Said. A mensagem dos representantes das entidades classistas é para que os consumidores acreditem no comércio local, pois esta valorização além de gerar empregos movimenta a economia da cidade. As lojas em Paranaguá, por determinação do decreto municipal N.º 2.529, abrem de segunda à sexta-feira, das 9h às 19h, ficando fechadas aos finais de semana.

As lojas abrem de segunda a sexta-feira, das 9h às 19h

Foto: Arquivo

Leia também: Novo auxílio emergencial deverá pagar quatro parcelas mensais de R$ 250

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.