Connect with us

Coronavírus

Incentivos poderão ser concedidos a empresas do Paraná que vacinarem seus funcionários

“Existem discussões na esfera Federal para autorizar que as empresas comprem diretamente as vacinas contra a Covid-19. Este incentivo irá, no meu ponto de vista, adiantar o processo de imunização”, afirma o autor do requerimento, deputado Cobra Repórter (Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil)

Publicado

em

Incentivos poderão ser concedidos a empresas do Paraná que vacinarem seus funcionários

Requerimento protocolado na Alep pede incentivos fiscais, perdão de dívidas e outros benefícios a empresas que adquirem vacinas

As compras das vacinas contra a Covid-19 no Brasil atualmente só podem ser feitas pelo Poder Público enquanto a imunização estiver sendo feita em grupos prioritários. Entretanto, recente projeto de Lei aprovado na Câmara de Deputados, em Brasília, e sancionado pelo presidente Jair Bolsonaro, aprovou a compra da vacina por empresas, desde que respeitando inicialmente a etapa exclusiva de imunização a grupos de risco e o Programa Nacional de Imunizações (PNI), bem como repasse de totalidade ou parte do lote ao Sistema Único de Saúde (SUS). No Paraná, na quarta-feira, 17, um requerimento apresentado pelo deputado estadual Cobra Repórter, na Assembleia Legislativa do Paraná (Alep), pretende conceder incentivos por parte do Estado para empresas que comprem os imunizantes contra o Coronavírus e vacinem seus funcionários. 

“O texto aprovado pelos deputados estabelece que enquanto durar a vacinação dos grupos prioritários, as doses compradas pela iniciativa privada deverão ser integralmente doadas ao SUS, o sistema público de saúde. Vencida essa fase do programa nacional de imunização, o setor privado poderá comprar, distribuir e administrar as vacinas, mas ainda assim terá que doar pelo menos metade das doses adquiridas ao SUS. O restante precisa ser utilizado de forma gratuita e não poderá ser comercializado”, informa a Agência Brasil, órgão do Governo Federal. 

No Paraná, o deputado Cobra Repórter apresentou um requerimento solicitando providências e estudos no sentido de ofertar novos incentivos fiscais cumulativos, perdão de dívidas e outros benefícios pertinentes, às empresas atuantes no Paraná que, em contrapartida, vacinarem seus empregados contra a Covid-19. “O requerimento também sugere que essas empresas façam a doação de vacinas para o Sistema Único de Saúde (SUS), visando à imunização da população paranaense em geral, segundo critérios do Plano Nacional de Imunização, no período de 6 meses após a respectiva autorização normativa para aquisição privada dos imunizantes”, informa a Alep.

Requerimento foi protocolado na Alep pelo deputado Cobra Repórter (Foto: Dálie Felberg/Alep)
Requerimento foi protocolado na Alep pelo deputado Cobra Repórter (Foto: Dálie Felberg/Alep)

Segundo o legislador, a empresa que comprar a vacina contra o Coronavírus poderá receber um “Selo de Certificação de Responsabilidade Social Humanitária”. “O documento foi endereçado ao governador Carlos Massa Ratinho Júnior e ao secretário estadual da Fazenda, Renê Garcia Junior”, informa a Alep. 

“Existem discussões na esfera Federal para autorizar que as empresas comprem diretamente as vacinas contra a Covid-19. Este incentivo irá, no meu ponto de vista, adiantar o processo de imunização beneficiando toda a população paranaense, um esforço justificado que agregado às demais atitudes governamentais poderá ajudar a erradicar a Covid-19 com mais rapidez do solo paranaense”, finaliza o deputado. 

Com informações da Alep e Agência Brasil

Leia também: Litoral confirma 11 novos óbitos por consequência da Covid-19

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.