conecte-se conosco

Cultura Viva

Paranaguá – 370 anos!

Ao longo desses anos quanta história a cidade viveu!

Publicado

em

No dia vinte e nove deste mês a nossa cidade completa 370 anos de existência. Ao longo desses anos quanta história a cidade viveu!

Quantas gerações de seres humanos aqui viveram! Muitos deixaram lembranças memoráveis. Seria longa a relação de parnanguaras que ilustraram com suas vidas as páginas da história da nossa cidade.

Muitos permanecem fixados nos nomes das nossas ruas, avenidas, praças, fazendo-nos relembrar dos seus feitos em prol da projeção de Paranaguá como berço da história do Paraná. Hoje vivemos numa cidade que cresceu, aumentou o número de bairros e, consequentemente, vem multiplicando a população que cobra das autoridades mais cuidados relacionados com todas as áreas da atividade humana.

Na atualidade, nós, os mais idosos julgamos complicado caminhar por ruas tumultuadas pelo tráfego contínuo de carros que aumentam de maneira descontrolada. Nossas ruas estreitas estremecem com o trânsito cada vez mais intenso. Fazer o quê? Esse é o preço que o progresso impõe as todas as comunidades que se propõem ao desenvolvimento.

De qualquer maneira é prazeroso festejar essa existência tão longa da nossa Paranaguá. Naturalmente cumpre a cada um de nós prestar homenagem ao nosso “Grande Mar Redondo” que, ao longo da sua existência enfrentou dramas, mas com a galhardia dos seus habitantes solveu todos e prosseguiu e hoje se projeta no Paraná.

O que todos nós parnanguaras de coração amoroso desejamos, é que a nossa cidade se converta em centro de atração turística. Para isso cumpre às autoridades ligadas à população estabelecerem regras que determinem padrões claros de comportamento compatíveis com os anseios dos bons parnanguaras. Limpeza das ruas, iluminação planejada, segurança, restaurantes com atendimento primoroso, são os fatores determinantes para o progresso turístico de qualquer cidade. Façamos a nossa parte como cidadãos conscientes. O resultado, sem dúvida, será gratificante para todos.

Ivone E. Marques

Continuar lendo
Publicidade

Em alta