Connect with us

Cultura Viva

Ainda novembro

O resultado desses desenfreios se revela no andamento do tempo, que não perdoa, e, raramente abre oportunidade para reparos nos comportamentos.

Publicado

em

O penúltimo mês do ano está próximo do fim. Faltam poucos dias para chegarmos a dezembro. Há poucos dias festejamos a Padroeira do Paraná no seu dia consagrado. Apesar da chuva, os festejos durante os 15 dias realizaram-se com sucesso, com grande afluência de público o que comprova o poder da Virgem Santa junto aos fiéis. Mas o dia 15 de novembro tornou-se feriado por ser o dia da Proclamação da República.

Neste caso pouco há que mereça ser comemorado, porque a “res” há longo tempo deixou de ser pública, tornando-se privilégio para os grupos que, acercando-se do poder, usufruem das regalias e benesses que dele advêm, enquanto a maioria da população tem que se contentar com as sobras pingadas nos salários do fim do mês. Sem se contar os milhares de indigentes que mendigam pelas ruas implorando por um prato de comida. Tal situação contrasta com a grandeza do nosso país e contraria o lema da bandeira brasileira, festejada no dia 19. Olhando-se o pavilhão hasteado, lá está em letras bem visíveis a frase “Ordem e Progresso”, que se desenvolvida com competência e probidade pelos governantes, hoje o Brasil estaria no rumo firme do desenvolvimento social e econômico.

Lamentavelmente a palavra ordem está esvaziada de sentido para a maioria da população brasileira. As ocorrências criminais, os acidentes nas vias públicas, os assaltos, os seqüestros, as pichações nos prédios públicos e particulares, as greves, o lixo lançado aos rios e oceanos, o comportamento destituído de ética e respeito de certos políticos, tudo se configura num quadro em que a desordem reina absoluta, desenfreada, longe de ser contida. A conseqüência desse caos se infiltra nos meios sociais, gerando desrespeito entre os membros. Citando um exemplo: o comportamento de estudantes que, nas salas de aula, desrespeitam os professores, desobedecendo as ordens, provocam tumulto e atraso no andamento das lições programadas.

O resultado desses desenfreios se revela no andamento do tempo, que não perdoa, e, raramente abre oportunidade para reparos nos comportamentos. E, quando se abrem os olhos para a realidade, muitas vezes desesperadora, em que há necessidade de recomeço, busca-se apoio e esforço para recompor os pedaços do todo, um dia destruído pela insensatez de comportamentos desequilibrados ou moldados pelo egoísmo. Gostaria imensamente que o Brasil produzisse um dia um cidadão brasileiro capaz de despertar no povo o verdadeiro orgulho por esta terra tão linda, livrando-se de vez dos ratos que inundam os porões e corroem os pilares da dignidade, da honra, da ordem, entravando o desenvolvimento do progresso.

Continuar lendo
Publicidade

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.