Connect with us

Cultura

Bob Orla mirim conquista os parnanguaras

Carlos Rafael apresentou o personagem no desfile cívico e ganhou repercussão

Publicado

em

Durante o desfile cívico no dia 29 de julho, o estudante Carlos Rafael, de 12 anos, chamou a atenção do público ao interpretar com maestria o personagem Bob Orla. Ele é aluno do 4.º ano B da Escola Municipal Nascimento Junior e criou o personagem com apoio da pedagoga Flavia Lima, da diretora Silvia Mendes e da professora Giuvanna  de Souza Ferreira.

Através de expressões como “meu bonje”, “rio branque”, “quedele”, “saminina” e outros vocábulos que fazem parte da linguagem caiçara, o estudante conquistou o público e o próprio ator Cleber Oliveira, o qual interpreta o  Bob Orla. “Só tenho a agradecer o carinho de vocês. Obrigado pela homenagem, Carlos, em breve a gente se encontra em Paranaguá”, escreveu o ator em seu perfil no Facebook.

Um fato curioso é que Carlos Rafael não possui conta nas redes sociais e estudou o personagem através de vídeos mostrados na escola, sem nunca ter assistido às apresentações ao vivo. O menino ficou sabendo de toda a repercussão pela pedagoga Flavia Lima, a qual mostrou os comentários através do celular.

[videoyoutube]kBPlu9qRM1k[/videoyoutube]

“Ele sempre foi muito ativo e como nós percebemos que ele tem comunicação e muita energia, aproveitamos para desenvolver suas potencialidades. O Carlos é presença certa em nossas apresentações internas”, contou a pedagoga.

O estudante contou que sempre gostou de artes em geral, especialmente o teatro.

“Eu já fiz cinco apresentações na escola. A que eu mais gostei foi ter interpretado Monteiro Lobato porque pude contar os personagens que ele criou e aprendi muito sobre sua história”, contou ele que já interpretou vários personagens diferentes, dentre os quais Michel Jackson.

Carlos Rafael é o filho mais velho de uma família com mais dois irmãos. Mora na baixada do Jardim Guaraituba e também estudou no CAIC, onde participou de peças teatrais. Nas horas vagas, ele gosta de assistir à televisão e jogar bola. Mas é nas apresentações artísticas que ele se realiza, seja interpretando, dançando ou cantando.

“O trabalho que nós estamos desenvolvendo a princípio era de descobrir se era excesso de criatividade ou indisciplina, pois ele sempre foi muito agitado. Essa hiperatividade nos levou a descobrir o talento criando oportunidades. Hoje estamos muito orgulhosos do resultado que está sendo obtido, pois ele melhorou no comportamento e na parte pedagógica”, contou a pedagoga.

Continuar lendo
Publicidade

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.