Connect with us

Valmir Gomes

O FUNCIONÁRIO

Quando li na Tribuna do Paraná quase não acreditei.

Publicado

em

FUNCIONÁRIO

Quando li na Tribuna do Paraná quase não acreditei, o Dr. Mário Celso Petraglia, maior presidente da história do Clube Athletico Paranaense, vai abandonar o cargo para ser funcionário remunerado do próprio clube. Isto mesmo, funcionário! Claro, um fato como este gera muitas especulações, precisa o próprio presidente vir a público esclarecer sua surpreendente atitude. Por mais que busque motivos, não encontro nem uma resposta convincente. Então só me resta aguardar uma entrevista coletiva do próprio Mário Celso Petraglia, explicando suas razões. Enquanto isso, as dúvidas persistem. Muitas histórias e estórias serão contadas em cima do fato. Com a palavra o novo funcionário do CAP.

MARADONA 60 ANOS

Digo e repito: o mês de outubro é, na verdade, o mês do futebol, Pelé o Rei, Garrincha o Chaplin e agora Maradona fazem aniversário em outubro. Maradona para mim é, no futebol, um fora de série, sua habilidade pessoal com a bola só é comparada com o Ronaldinho Gaúcho, outro malabarista do futebol. Seus títulos foram muitos, Boca Juniors, Barcelona, Napoli, lógico campeão do Mundo. Um dia falando com o Careca, craque brasileiro e seu colega no Napoli, fiquei sabendo duas coisas a respeito do Maradona. “Ele pouco treinava, em semana de clássicos treinava mais, e tinha um raciocínio rápido, antevia a jogada, coisa de louco”. Futebolisticamente falando, Pelé, Garrincha e Maradona formam o trio de ouro de todos os tempos. Coincidência ou não, os três são do mês de outubro.

TÉCNICO COXA

Na calada da noite, o Coritiba anunciou seu novo técnico, Rodrigo Santana, um jovem com passagens pelo Juventus, URT, categorias de base e profissionais do Atlético Mineiro e Avaí. Seu aproveitamento no Atlético e Avaí, foram próximos a 50%, para salvar o Coritiba da segundona terá que aumentar estes números. Jovem e estudioso chega com muita vontade de mostrar serviço. Na verdade, uma aposta da desgastada diretoria, ou dá ou desce.

O BAIXINHO MARADONA

Um dia, ofereceram Maradona para a Juventus, o grande clube italiano. Fazendo pouco caso, o então presidente da Juve, Giampero Boniperti disse aos repórteres. “Não interessa, é muito baixo na verdade um baixinho, com este tamanho não vai chegar a lugar nenhum no futebol italiano”. Maradona foi para o Napoli e ganhou o título de campeão italiano e a Copa da Itália. Considerado até hoje um deus do futebol para os napolitanos.

DR. LEOCÁDIO

Gente, sei das dificuldades de muitos com a pandemia, sei também da necessidade da comunicação pessoal com familiares e amigos. Não vou me arvorar a dar conselhos técnicos, pois muitos já fizeram isto em muitas oportunidades. Tenham um pouco mais de paciência, evitem aglomerações, sigam orientações da Saúde Pública. A vacina está chegando é questão de tempo! Como prega o Dr. Leocádio, vamos administrar o contraditório.

ERNÂNI BUCHMANN

Recebi da Fecomércio PR, por gentileza do seu presidente, Darci Piana, e do Emerson Sextos, Diretor Regional do SESC Paraná, três livros editados e distribuídos pela Fecomércio, numa colaboração literária visando à cultura dos paranaenses e brasileiros. Hoje me refiro ao livro

IMPERADORES DE OPERETA, história dos ditadores latino-americanos como fontes da literatura. Como sempre o múltiplo Ernâni Buchmann dá uma aula de como contar histórias através da sua “pena” brilhante. Li e gostei, prometo voltar ao assunto.