conecte-se conosco

Instituto Histórico e Geográfico de Paranaguá

Natureza e equilíbrio

Publicado

em

Sucessão no IHGP

Existe a lua que nos auxilia a marcar o tempo. O sol tem o seu ocaso e aquele alaranjado nos enche de bons sentimentos. Vem a noite e os animais noturnos saem para se alimentar e, ao raiar do sol, voltam às suas tocas. Nesse ciclo, ao nascer do dia, os homens e as mulheres vão ao seu trabalho e provêm o sustento de suas famílias. E a natureza está ali, vinte e quatro horas por dia, sustentando a todos nós. 

Como é rico o nosso Planeta, desde o vasto mar, com braços imensos, onde vivem animais e vegetais imensuráveis. A terra está repleta de criaturas, bendiga todas essas maravilhas e agradeça a esse grande poema que é a vida! A vida é plena, fecunda, diversa e próspera. 

Na natureza encontramos não só o alimento, mas a beleza que ilumina a nossa visão. No cantar dos pássaros temos a música que revela a nossa audição. No sol encontramos aconchego; nas águas, o equilíbrio. Nas flores encontramos o aroma mais agradável ao nosso olfato, numa pétala, a sensibilidade do toque. No néctar, nas frutas, o sabor que chega ao nosso paladar. 

A harmonia gera ordem, beleza e sabedoria. Louvado sejas, meu Senhor, pela nossa Mãe Terra, a qual nos sustenta e governa, e produz diversos frutos com coloridas flores e ervas. Como sobreviver sem as águas? E o vento? A brisa nos mantém serenos e calmos. A beleza da natureza nos comove nos grandes e pequenos atos, é a realização da verdade. 

É evidente que a natureza nos presta excelentes serviços, sem os quais não poderíamos sobreviver. O mês de junho inicia com essa chamada ambiental, sendo comemorado no dia 5, em nível mundial, o Dia do Meio Ambiente, que deveria ser todos os dias.

Tudo isso Deus nos deu, mas como estamos retribuindo? Poluindo tudo e deixando nossa Mãe Terra doente. Tudo o que estamos enfrentando, inundações, temperaturas extremas, nada mais é do que o fruto das nossas próprias ações. Que tal mudar isso enquanto tempos oportunidade?

Fica aí a minha dica, olhemos um pouco mais para a nossa casa, o Planeta Terra.

Sonia Machado

Historiadora

Diretora Secretária do IHGP

Continuar lendo
Publicidade