conecte-se conosco

Espaço Poético

Desejo Impudico

Publicado

em

Palavras assimétricas
Gritam escondidas atrás de
Aparências frágeis,
Vestidas de liberdade.
Porque ser livre é
Alçar um voo,
E mergulhar em queda livre
No oceano dos seus olhos.
É abandonar-se no coração,
Sem mais paredes incautas nem
Espelhos para refletir
Para não se encontrar.
Proferir palavras ousadas como
Vozes no papel,
Em tons fortes, não mais aqueles cinzas.
Como o desejo de quem
Nunca será mentira nem ficção, mas
Infinito direto e resolvido.
Da unidade sem inveja
De um dia puro e
Mil outros mais.
E nunca querer ser
Cópia do outro, mas
Fruto de um privilégio,
Da cor vermelha
Dos meus lábios fiéis
E do desejo impudico
De te pertencer.

Autoria: Juciane Afonso

Publicidade










plugins premium WordPress