Connect with us

ADI Paraná

Derrubar o veto

O Paraná tem mais de 10 mil escolas, 20,5 mil psicólogos e 7,5 mil assistentes sociais.

Publicado

em

O deputado Giacobo (PL-PR) já avisou aos conselhos federais e regionais de serviço social e psicologia que vai "lutar para derrubar" o veto integral do presidente Jair Bolsonaro ao projeto de lei que prevê o atendimento dos profissionais das duas áreas nas escolas da rede básica de ensino.

O Paraná tem mais de 10 mil escolas, 20,5 mil psicólogos e 7,5 mil assistentes sociais. "A presença desses profissionais são fundamentais nas escolas na realidade em que vivemos hoje".

Fórum ambiental

O ex-prefeito de Maringá, Silvio Barros (PP), é o principal palestrante do 1.º Fórum dos Conselhos Municipais do Meio Ambiente que será realizado em Londrina na próxima segunda-feira, 14. Silvio Barros vai falar sobre os “Desafios da sustentabilidade na Agenda 2030 da ONU e o papel dos conselhos de meio ambiente”. O fórum terá dois talk shows com os cases de sucesso dos conselhos de Guarapuava, Ponta Grossa, Maringá, Apucarana, Foz do Iguaçu e Paranaguá.

 100% Bolsonaro

O deputado Filipe Barros (PSL) acredita que não vai perder o cargo de vice-líder do partido e nem como membro da Comissão de Legislação Participativa na Câmara dos Deputados, conforme aventada pela direção nacional da sigla. "Sou 100% Bolsonaro", avisa Filipe Barros, que seguirá o presidente para qual partido escolher.

Cessão onerosa

Os 399 municípios do Paraná vão receber R$ 714, milhões como bônus da cessão onerosa resultado do megaleilão do pré-sal. O maior montante (R$ 32,5 milhões) ficará com Curitiba. Oito cidades – Foz do Iguaçu, Cascavel, Maringá, Ponta Grossa, Londrina, São José dos Pinhais, Colombo e Guarapuava – vão receber R$ 8,1 milhões. Ao Estado caberá R$ 494,4 milhões. O dinheiro poderá ser usado para abater dívidas da previdência e para investimentos. Os cálculos são da Confederação Nacional dos Municípios.

Saída honrosa

Os procuradores da Lava Jato já discutem uma “saída honrosa” para Deltan Dallagnol, principal coordenador da Operação em Curitiba. A proposta que ganha corpo é promovê-lo a procurador regional para atuar na segunda instância do MPF. Agora só falta combinar com Dallagnol que precisa se candidatar à vaga.

Desafios
O secretário Sandro Alex (Infraestrutura e Logística) disse que um dos maiores desafios do Paraná está na infraestrutura. E, no caso do Norte Pioneiro, especialmente na PR-092. “Queremos ser o governo que conseguiu equacionar o problema da PR-092”, disse. A rodovia é uma das vias prioritárias contempladas no banco de projetos do Estado. “O governador (Ratinho Júnior) quer trazer mais indústrias para o Norte Pioneiro, porque onde tem indústria o IDH sobe, mas para isso é preciso investir em infraestrutura”, reforçou.

  
Hospital Regional

O prefeito Claudemir Romero Bongiorno (MDB) apresentou o projeto arquitetônico do Hospital Regional de Cianorte que será construído a partir de 2020. O hospital terá 12.5 mil metros quadrados de área, 242 leitos, custará R$ 53 milhões e entrega está prevista para 2022.

Licença-prêmio
Ficou para terça-feira, 15, na CCJ, a discussão das 32 emendas apresentadas ao projeto de lei que trata fim das licenças especiais dos servidores públicos estaduais. No primeiro turno, o projeto foi aprovado 39 a 12. A proposta do Governo do Estado prevê que, a partir de agora, a conversão da licença prêmio para uma licença capacitação.

Marchese em Maringá

O deputado Homero Marchese (Pros) adiantou que estará mais presente em Maringá, onde é pre-candidato a prefeito. Marchese já estuda nomes que podem compor sua chapa na vice e para vereadores. Além do Pros, o deputado já assediado por alguns partidos.

Na Finlândia

Três ativistas paraguaios que estavam no Uruguai depois de perderem status de refugiados no Brasil já estão na Finlândia. “O Brasil não será mais refúgio para estrangeiros acusados ou condenados por crimes comuns (no caso, extorsão mediante sequestro). A nova postura é de cooperação internacional e respeito a tratados. Aqui não é terra sem lei", disse o ministro Sergio Moro (Justiça e Segurança) após a expulsão dos paraguaios.

Vargas condenado

O Tribunal Regional Federal da 4.ª Região, em Porto Alegre, confirmou a segunda condenação por lavagem de dinheiro do ex-deputado André Vargas (ex-PT na Operação Lava-Jato). O TRF manteve a pena em seis anos de reclusão.

Da Redação ADI-PR Curitiba

Coluna publicada simultaneamente em 20 jornais e portais associados. Saiba mais em www.adipr.com.br.

Continuar lendo
Publicidade

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.