conecte-se conosco

Utilidade Pública

CDD dos Correios registra alto fluxo no atendimento

Entenda os motivos do movimento gerado diariamente no local

Publicado

em

O Centro de Distribuição Domiciliária (CDD) dos Correios tem registrado movimento intenso, em especial pela manhã, já que o local funciona das 9h às 14h. A população tem reclamado da demora no atendimento e na impossibilidade de, muitas vezes, não receber o documento ou encomenda que necessita em sua residência. O CDD está localizado na Avenida Roque Vernalha, 2413.

A moradora no Jardim Iguaçu, Fátima Cristina Dechechi, não é beneficiada com a entrega de correspondência a domicílio e, por isso, precisa conferir sempre a caixa postal localizada em um mercado na região que reside. Segundo ela, nem sempre as correspondências chegam nessa caixa postal, o que faz com que tenha que se deslocar até o CDD para retirar as contas e outras encomendas. “Estou esperando por um cartão de banco há 60 dias e ninguém sabe me dizer onde está e, como a senha não tem código de rastreio, também não tenho como pegar”, relatou a moradora.

População reclama da demora no atendimento e cobra soluções

 

Essa já era a quinta vez que Fátima procurava pelo serviço para tentar resolver o seu problema. “Já entrei em contato com o banco e me disseram que o documento está aqui. Outra coisa é o documento do carro, que vamos procurar no Detran e não está, vamos na agência dos Correios também não está. A situação está bem difícil”, indagou.

A queixa de Fátima também é com relação à falta de atendentes. “Se chegarem 50 pessoas para serem atendidas no preferencial, eles vão atender todas essas primeiro para depois atender o restante. Isso porque tem apenas um funcionário no atendimento”, opinou a moradora.

ENTENDA OS MOTIVOS

O gerente do CDD Paranaguá, Edgard Francisco Machado Trentin, explicou que o motivo do alto movimento, muitas vezes, pode ser explicado pela não atualização da numeração predial, que faz com que o carteiro não encontre o endereço. “Quem ainda não realizou a alteração precisa procurar pela Secretaria Municipal de Urbanismo e também alterar cadastros de bancos e serviços como água, energia, TV a cabo, Internet e outros”, destaca. Outro motivo citado está relacionado à entrega de encomendas. “Temos a entrega de encomenda econômica, o PAC, que tem um prazo maior e, como as pessoas querem que chegue mais rápido, elas vêm buscar no CDD antes das tentativas de entrega. De manhã recebemos os dois caminhões que trazem as cargas de Curitiba e um setor faz a triagem aos motoristas e quando a pessoa vem buscar, atrapalha a nossa logística de separação”, explicou Trentin.
Às vésperas de feriados prolongados, o que é bastante comum, é a procura pela Carteira Nacional de Habilitação, o que também colabora com o tumulto no Centro de Distribuição. “O ideal seria procurar o CDD somente após receber o aviso de tentativa de entrega em casa”, analisou Trentin.
 

Continuar lendo
Publicidade

Em alta