conecte-se conosco

Porto de Paranaguá - 84 anos

Superávit comercial do Paraná com países do Brics cresce 625% na década

Exportações paranaenses para Rússia, Índia, China e África do Sul representam 34,5% das vendas externas do Estado

Publicado

em

Curitiba é a cidade-sede da primeira reunião do Brics em 2019. A abertura oficial do encontro ocorreu na noite de quarta-feira, 13. O encontro trouxe ao Paraná ministros e diplomatas responsáveis pelos acordos entre Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul.

O evento é preparatório para a 11.ª Cúpula do bloco econômico que será realizada em Brasília, em novembro deste ano. “Muito importante para o Paraná sediar esta reunião. É uma boa oportunidade para mostrarmos nosso potencial de comércio internacional e expandir as vendas”, destaca o governador Carlos Massa Ratinho Júnior.

Atualmente, 30,7% das exportações do Brasil seguem para os demais países do bloco. Em relação ao Paraná, o grupo absorve 34,5% das vendas externas totais do Estado (US$ 20,040 bilhões), com negócios que somam US$ 6,918 bilhões. O montante foi registrado em 2018 e é 121% maior do que em 2010 (US$ 3,127 bilhões).

Em oito anos, as importações dos quatro países para o Paraná avançaram 12%, passando de US$ 2,573 bilhões para US$ 2,892 bilhões. O valor equivale a 23,3% do total comprado pelo Estado do exterior no último ano (US$ 12,370 bilhões).

No ano passado, o saldo entre exportações e importações foi de US$ 4,025 bilhões, um aumento de 625,7% sobre os US$ 553,3 milhões registrados em 2010. O forte incremento nas vendas externas foi impulsionado pela China, maior destino das exportações paranaenses.

 

CHINA

Desde o início da década, o valor exportado para o mercado chinês registrou crescimento de 167%, de US$ 2,276 bilhões para US$ 6,080 bilhões. Deste montante, a soja em grão respondeu por 80% (US$ 4,920 bilhões), seguido de celulose (US$ 374,5 milhões) e carne de frango “in natura” (US$ 319,3 milhões).

A Índia ocupa a nona posição na pauta de exportações paranaense. De 2010 a 2018, os negócios do Estado com este País cresceram 58%, de US$ 238,5 milhões para US$ 377,1 milhões. Óleo de soja representou 60% do valor total: US$ 229,2 milhões.

A África do Sul aparece na 18.ª colocação entre os destinos internacionais de produtos do Paraná. O País apresentou um aumento de 101% nas transações com o Estado nos últimos oito anos, de US$ 116,1 milhões para US$ 234,5 milhões. A carne de frango “in natura” é o principal item da pauta, equivalendo a 68% das exportações.

Por sua vez, a Rússia figura em 19.º lugar no ranking, mesmo com o recuo de 54% registrado entre 2010 e 2018, quando as exportações diminuíram de US$ 495,9 milhões para US$ 226,1 milhões. Café solúvel, carne de frango e soja em grão são os produtos mais exportados pelo Paraná.

 

IMPORTAÇÕES

No sentido inverso, o Estado contabilizou incrementos nas compras da China, de US$ 2,100 bilhões para US$ 2,312 bilhões (10%), e da Rússia – de US$ 167,9 milhões para US$ 395,9 milhões (135%). Destes dois países, o Paraná adquire principalmente adubos e fertilizantes. A China lidera também o ranking paranaense de importações.

Fonte: AEN

Continuar lendo
Publicidade

Em alta

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.