conecte-se conosco

Polícia

Perseguição termina com moto roubada recuperada e arma apreendida

Arma de fogo foi recuperada pela PMPR

Publicado

em

 

 

Uma moto roubada no final da tarde de quinta-feira, 3, na região do Parque Agari, em Paranaguá, foi recuperada pelo 9.º Batalhão da Polícia Militar do Paraná (9.º BPM/PMPR) depois de intensa perseguição e troca de tiros. Os militares foram acionados por volta das 17h, logo após o veículo ter sido tomado em assalto, quando o proprietário estacionava em frente a um estabelecimento comercial.

De acordo com a vítima, pelo menos dois assaltantes o abordaram, um deles armado. Rendido, ele foi obrigado a entregar a motocicleta e, na sequência, a dupla fugiu. A vítima imediatamente acionou a PM. Com a região cercada, equipes da Rádio Patrulha (RPA) do 9.° BPM conseguiram localizar o veículo que era ocupado por dois elementos, que não obedeceram à ordem de abordagem da PM.

Moto roubada utilizada para fuga dos suspeitos foi recuperada. Acusados fugiram por área de mata na PR-407 e estão sendo procurados pelas autoridades

PERSEGUIÇÃO CINEMATOGRÁFICA

Após a dupla se recusar a obedecer à voz de abordagem dos policiais militares, teve início então um acompanhamento tático que seguiu por algumas ruas da região do Jardim Esperança. Durante a perseguição, os elementos dispararam, pelo menos duas vezes contra a guarnição, só que a arma utilizada, um revolver calibre 38, falhou.

Quando passavam pelo viaduto da PR-407, os indivíduos tentaram uma manobra brusca para escapar do cerco policial  e acabaram caindo, inclusive danificando uma das viaturas. A dupla saiu correndo e entrou em uma área de mata fechada, a região foi cercada, mas os dois conseguiram escapar.  Próximo ao local em que aconteceu a queda, os policiais militares encontraram a arma usada pelos criminosos, um revólver calibre .38, com algumas munições picotadas.

A moto foi recolhida ao pátio do 9.º Batalhão e a arma entregue na 1.ª Subdivisão Policial de Paranaguá (1.ª SDP) para as providências jurídicas cabíveis. A Polícia Civil investiga o caso e procura os suspeitos.

Publicidade






Em alta