conecte-se conosco

Polícia

Paranaguá registra o 37.º homicídio em 2018

Justino dos Santos era ensacador, sendo conhecido como “Gaúcho”.  
Atualizada em 30/04/2018 às 10h05

Publicado

em

Carlos Justino dos Santos de 48 anos, conhecido como Gaúcho, foi morto com pelo menos 3 disparos de arma de fogo, que atingiram o toráx e o rosto, no começo da noite de domingo, 29.

O crime, o 37.º registrado em Paranaguá só este ano, aconteceu na Rua José Cadilhe, na Serraria do Rocha, perto da praça do bairro.

De acordo com informações repassadas por populares, dois homens em uma moto, se aproximaram da vítima e efetuaram os disparos, pelo menos 5, e fugiram. Baleado gravemente, Gaúcho, caiu no meio da movimentada via e morreu. Ele teria acabado de responder a chamada no Sindicato dos Ensacadores, aonde trabalhava, e estava indo para casa, que fica nas proximidades. 

Uma equipe da Guarda Civil Municipal foi a primeira a chegar no local do crime, os guardas foram avisados por um rapaz que estava de moto e viu quando tudo aconteceu, ele parou a viatura que fazia patrulhamento de rotina pela Avenida Roque Vernalha, mesmo com o acionamento rápido das forças policiais, os assassino conseguiram fugir.

Depois de constatado o óbito, pelos socorristas do SAMU, a área foi isolada até a chegada da Criminalística, e assim que a perícia foi realizada, o corpo de Gaúcho foi recolhido ao Instituto Médico Legal, para exames complementares.

Familiares estiveram no local e já passaram algumas informações importantes para a polícia. O caso agora vai ser investigado pela Divisão de Homicídios da Policia Civil de Paranaguá. Qualquer informação que ajude a polícia a encontrar os assassinos, deve ser repassada pelos telefones de emergência, 190, 197 ou 153, ou ainda pelo narcodenúncia da Secretaria Estadual de Segurança, o 181.

Materia atualizada em 30/04/2018, às 10h05.

Continuar lendo
Publicidade

Em alta