Logotipo

Athletico é o Campeão Paranaense de 2019

21 de abril de 2019

Decisão foi nos pênaltis. É o bicampeonato rubro-negro, que conquistou também o título de 2018.

Compartilhe

O Athletico conquistou o título do Campeonato Paranaense de 2019. Na tarde deste domingo, 21, o Rubro-negro recebeu o Toledo, na Arena da Baixada, e venceu por 1 a 0. Como o Toledo havia vencido o primeiro jogo pelo mesmo placar, a decisão foi para os pênaltis. Na sexta cobrança, o goleiro athleticano Léo defendeu o chute de Adriano e Khellven, na sequência, marcou e garantiu o título.

O jogo

Com a vitória por 1 a 0 no primeiro jogo, o Toledo veio a Curitiba para jogar com cautela e segurar a vantagem. Porém, logo aos seis minutos de jogo, Matheus Rossetto marcou para o Athletico e deixou tudo igual na disputa pelo título. 

 

O Rubro-negro ainda teve outras chances de marcar, enquanto o Toledo se fechou atrás, mas a partida terminou com o único gol marcado no início. O resultado levou a disputa para os pênaltis e ambos os times acertaram todos os chutes até que foram para as cobranças alternadas. Foi então que o goleiro Léo apareceu e defendeu a cobrança de Adriano, do Toledo. Em seguida, Khellven marcou e comemorou o título athleticano. 

“O jogo lá já me surpreendeu um pouco, no sentido de a equipe deles abdicar de jogar, procurando trazer a decisão para cá, para buscar os pênaltis, algo assim. E eles conseguiram. Hoje, conseguimos criar chances claras de gol, fomos muito agressivos ofensivamente. Não fomos muito eficientes, mas saímos com a sensação de dever cumprido e de merecimento”, comentou o comandante athleticano Rafael Guanaes, em entrevista ao site oficial do clube.

Premiação

É o bicampeonato rubro-negro, que conquistou também o título de 2018. A premiação foi entregue ao elenco athleticano pelo presidente da Federação Paranaense de Futebol, Hélio Pereira Cury, pelos vice-presidentes Amilton Stival e Amauri Escudero, o ouvidor Acef Said e o representante jurídico da FPF, William Hosaka. 

O artilheiro do Campeonato Paranaense deste ano foi o atacante Rodrigão, do Coritiba, que marcou 7 gols na competição. O goleiro menos vazado foi Silvio, do Cianorte. 

“Ficamos muito satisfeitos com o desfecho da competição deste ano. Chegamos à final com um ótimo público, tivemos jogos bastante disputados, o balanço é positivo”, comentou o presidente da FPF, Hélio Pereira Cury.

FPF

Fotos: Julia Abdul-Hak/Federação Paranaense de Futebol

Colunistas