conecte-se conosco

Ano Novo 2023

Prefeito faz balanço de avanços obtidos em Paranaguá no ano de 2022

Marcelo Roque projeta continuidade da entrega de obras de grande porte no próximo ano

Publicado

em

No final de 2022, o prefeito Marcelo Roque concedeu entrevista à Folha do Litoral News em seu gabinete no Palácio São José, sede administrativa do município, onde fez um balanço da atuação da gestão municipal no ano que se encerra nas áreas de saúde, segurança, educação, mobilidade urbana, salientando também o destaque obtido no avanço da vacinação contra a Covid-19, algo que possibilitou a retomada de eventos e gera expectativa positiva para a temporada de verão 2022-2023. Marcelo Roque reafirmou o compromisso na continuidade da entrega de grandes obras em 2023, entre elas a revitalização da Praça Mário Roque, a ampliação da ponte da Ilha dos Valadares, entrega de novas Unidades Básicas de Saúde (UBS) e espaços educacionais, assim como continuidade de obras de asfalto à quente em bairros e região central de Paranaguá. Confira a entrevista: 

Folha do Litoral News – Como o senhor analisa o controle da pandemia, a retomada de eventos em Paranaguá em 2022 e a expectativa para a temporada de verão em Paranaguá? 

Marcelo Roque – Graças a Deus temos a vacina que está sendo eficiente, então Paranaguá saiu muito na frente na vacinação e hoje tem uma realidade tranquila, mas parte do povo ainda pensa que a Covid-19 sumiu e que não há contaminação, tanto que agora nós abrimos o Hospital João Paulo II e estamos fazendo a testagem daquelas pessoas que estão tendo sintomas fracos, mas que estão recebendo o remédio para as pessoas se tratarem em suas residências. O ano de 2022 foi muito produtivo para Paranaguá, continuamos avançando em todos os segmentos da nossa cidade, mas principalmente na parte de eventos, que estava praticamente parada. Tivemos os shows com todos os cuidados no Caranguejão no aniversário da cidade onde trouxemos diversos cantores, algo que foi muito bom, foi um local que iremos aproveitar com certeza no futuro. A cidade avançou muito nos eventos, algo que pode ser visto no recente Auto de Natal, foi um pedido conjunto da Secretaria onde determinamos que seria bom centralizar os eventos na área central, inclusive para ter esse convívio das pessoas novamente pós-pandemia, pessoas de outros municípios vieram a Paranaguá ver o nosso Auto de Natal, com o ônibus do Tarifa Zero sendo uma alegria por toda a cidade, bairros pedindo a visita do veículo. A parte interna e externa da Estação Ferroviária ficou maravilhosa, com a Avenida Arthur de Abreu. Tudo isso é bom para os comerciantes, que estavam desconfiados com os enfeites na cidade, tem alguns que não esperam as coisas acontecerem, até porque uma licitação dessas demora três meses, não é de uma hora para outra. Deu certo. No futuro queremos fazer novamente em outros pontos da cidade, como a Praça Mário Roque, que está sendo revitalizada, ou algo no Aeroparque. A temporada de verão vai ser uma das melhores no pós-pandemia em todo o litoral com certeza, principalmente na Ilha do Mel, com aumento de capacidade de pessoas visitarem, algo que estamos muito preparados com relação à limpeza, à segurança pública e com os postos de saúde na Encantadas, onde atenderemos não só os moradores, mas também todos os veranistas e turistas que irão para a Ilha do Mel. Estamos muito bem preparados e estruturados, a Guarda Civil Municipal (GCM) com os seus veículos nos dois lados na Brasília e Encantadas, as nossas lanchas que adquirimos, então a parte da Patrulha Ambiental está muito bem feita em parceria com o Governo do Estado. Estamos com a expectativa de ter um belíssimo verão, não somente na Ilha do Mel, mas em todas as ilhas, as 12 que temos em nossa baía de Paranaguá, que estamos estruturando com novos atracadouros, a gente sabe que faltam alguns ainda, mas a gente sabe que é importante para o turismo. Com relação à revitalização da Praça Mário Roque, na semana passada veio um arquiteto do Governo do Estado para fazer o projeto ao lado da ampliação da futura ponte da Ilha dos Valadares, a rua General Carneiro, que são pedaços que faltam ainda para a revitalização 100% desta área central. Também cobramos a relicitação do novo Mercado de Peixe, da área de revitalização do entorno do Aquário, algo que será muito importante na nossa área central. Então, a parte do turismo está sendo retomada de forma firme e forte, pois além de ser uma cidade portuária, Paranaguá é uma cidade turística que traz pessoas de todos os cantos do País. 

Folha do Litoral News – Ainda sobre a Praça de Eventos Mário Roque, a revitalização deste espaço tão importante para o lazer da população e turismo local está sendo algo muito aguardado. Como o município está avançando nesta benfeitoria, entre outras, como a ampliação da ponte da Ilha dos Valadares e revitalização da Praça do Rocio? 

Marcelo Roque – Coloquei recentemente nas redes sociais o projeto, que é a volta do Tutóia, onde com certeza iremos usar este espaço de quinta a domingo com eventos do nosso município, mas a revitalização ali nas áreas dos coqueiros, com pista de caminhada, parte de deck, parte de paisagismo, o nível da Rua da Praia vai ficar no nível da Praça, vai ser um calçadão, vai poder passar carro durante a semana, mas no final de semana pode até ser fechado para se ter um calçadão. Será feito um chafariz novo próximo à estátua do Caranguejo com um espelho d’água. Vai ser uma repaginada importante que a gente espera que no máximo até o ano que vem, no aniversário da cidade, seja realmente inaugurado. A Praça do entorno da Igreja do Rocio será revitalizada, com entrega já feita de ordem de serviço no valor de R$ 2 milhões, junto com o Mega Rocio que já entregamos, vai beneficiar o turismo religioso, pois temos a Padroeira do Paraná, algo que é muito importante. Também estamos na expectativa de que no início de janeiro possamos dar continuidade à obra tão sonhada, que me incomoda muito, que é a ampliação da ponte da Ilha dos Valadares, com recursos já destinados, já tem a licitação, só faltam alguns detalhes na parte do licenciamento que está sendo finalizado. A gente espera que no ano de 2023 a gente consiga inaugurar ainda esta ampliação da ponte da Ilha dos Valadares, que é um sonho de todos os moradores da nossa querida ilha, são 35 mil moradores que estão ali e precisam deste investimento.

Folha do Litoral News – Como a inauguração da nova Unidade de Pronto Atendimento (UPA) impactou positivamente na saúde municipal em 2022 e quais investimentos deverão ser entregues nos próximos meses neste segmento? 

Marcelo Roque – Com muita certeza foi o ano que mais avançamos na área de saúde. Claro que é uma pasta que precisa de total atenção 24 horas, mas sabemos que a saúde é algo complicado no País inteiro e em Paranaguá não é diferente, mas a gente fica muito feliz de poder ter inaugurado uma UPA em que foram investidos dos cofres públicos quase R$ 14 milhões, uma UPA que, pelo ministro Queiroga, onde tivemos conversando e mostrando a ele a nossa nova unidade que, no Brasil, dificilmente há uma cidade que tenha uma UPA Porte III igual a nossa. É um motivo de felicidade em ter uma UPA que está atendendo a população. Estamos investindo também no principal que é a contratação de profissionais da Saúde, aumentamos o salário dos médicos, a Fundação de Assistência à Saúde em Paranaguá (FASP) também tem uma função muito grande na contratação dessas pessoas. Claro que precisamos melhorar, mas a UPA, o Valadares, os postos que nós fizemos em Paranaguá no Porto Seguro, no Leblon, no Emir Roth na Ilha dos Valadares e também fizemos um em Encantadas, na Ilha do Mel, já estão sendo utilizados pela população. Entregamos recentemente um posto de saúde na comunidade indígena da Cotinga, uma verba que estava esquecida há muito tempo e nós tiramos do papel, e as pessoas ainda perguntavam como iria acontecer o atendimento ao povo indígena, a contrapartida do município era construir a unidade de saúde e o Governo Federal, através da Funai, vai dar os profissionais para prestarem o atendimento nesta unidade. É uma parceria com o Governo Federal e município muito importante. Entregaremos mais duas unidades de saúde que estão prestes a serem inauguradas, dobrando a capacidade do espaço de atendimento na Vila Guarani, que está quase finalizada, e também no Jardim Santos Dumont, onde temos a Estratégia Saúde da Família (ESF) com profissionais que precisam trabalhar todos os dias nos bairros e que não tinham nem espaço físico para fazer o trabalho interno deles. Era uma cobrança não só dos moradores, mas também dos profissionais que trabalhavam no dia-a-dia no Santos Dumont, então deveremos inaugurar este espaço nos três primeiros meses de 2023. A Baduca, onde foi a UPA emprestada anteriormente, faremos ali uma Farmácia 24 horas, tiraremos da área central, colocando este espaço ao lado da UPA, com as pessoas saindo do local com a sua enfermidade já tendo o direito ao lado de sairem com seus remédios em qualquer horário, lembrando dos ônibus da Tarifa Zero, que levam o povo aos quatro cantos da nossa cidade de forma gratuita. A saúde está melhorando muito e a tendência nesses dois anos temos frente à prefeitura é de melhorar ainda mais. 

Entregas da revitalização da Praça Mário Roque, de novas UBS e espaços de educação, assim como da ampliação da ponte da Ilha dos Valadares, deverão ser feitas em 2023, segundo o prefeito Marcelo Roque

Folha do Litoral News – Com relação aos investimentos em mobilidade urbana, como o município observa a entrega de obras de asfaltamento em Paranaguá e a continuidade destas benfeitorias em 2023? 

Marcelo Roque – Estamos chegando neste final de ano, com todos os levantamentos, a cerca de 150 quilômetros entregues de asfalto nesses seis anos de gestão. É o maior projeto de asfaltamento da cidade de Paranaguá. Um asfalto à quente, de qualidade, com base, com drenagem e calçadas. As pessoas as vezes não entendem porque um bairro tem calçada entregue e outro não, normalmente quando a gente licita a gente faz barba, cabelo e bigode, quando é uma rua que a própria Secretaria de Obras faz é o meio-fio e o asfalto, mas a gente faz isso de abusado, pois do meio-fio para baixo quem faz é a Prefeitura e do meio-fio para cima é o morador que tem que fazer a calçada, mas a gente faz diferente de tudo isso. Chegamos a vários bairros da nossa cidade, estamos chegando na Vila Marinho, Jardim Iguaçu, Vila São Vicente, entregaremos nos próximos dias a Ordem de Serviço do Parque Agari e da Avenida Coronel Elísio Pereira, são R$ 4,3 milhões de asfalto de 100% do Parque Agari e do posto de gasolina até a Copel, na Elísio Pereira, onde tudo será revitalizado. Estamos avançando nos bairros de Paranaguá, tem a licitação que está ficando pronta do asfalto novo no Jardim Samambaia, Casa da Família, Vila dos Comerciários, enfim, a tendência é chegarmos ao fim do nosso mandato passando dos 200 quilômetros de asfalto entregues por toda a Paranaguá. Foi uma promessa que nós fizemos na parte de infraestrutura. Finalizaremos no ano que vem a parte do Plano de Mobilidade Urbana e Transporte Coletivo do nosso município, contratamos uma empresa, inclusive com bastante no hall, que está em parceria com o município e área técnica do Urbanismo para que possamos fazer um plano excelente para os próximos anos. Já pedi que neste Plano de Mobilidade Urbana se inclua o programa Tarifa Zero, que é um compromisso nosso até acabar a nossa gestão, depois a gente não sabe como é que o próximo vai se comportar com a Tarifa Zero do nosso município.

Folha do Litoral News – Como o município reforçou os investimentos em segurança pública e qual é a importância da Guarda Civil Municipal (GCM) em prol deste setor tão importante para a sociedade? 

Marcelo Roque – Antes de 2017 na nossa administração não tinha importância nenhuma, pois o guarda estava desmotivado, tratado como vigia da escola, só cuidando do patrimônio público, e hoje está completamente diferente, a GCM está equipada, armada, temos uma Academia, com investimento de mais de R$ 30 milhões nesses seis anos na Guarda Municipal. Temos a nova Sala de Monitoramento, os totens que fazem o monitoramento por toda a cidade, então é um avanço obtido muito grande na segurança pública municipal. Com certeza o Plano de Carreira da Guarda é importante, com valorização deles, pagamos 70% neste ano e vamos pagar os 30% no ano que vem, muitos que estão com idade avançada estão esperando para aposentar e a gente possa renovar. Fizemos um concurso público em que se pode colocar alguém somente quando se aposenta, quando morre ou quando pede para sair, é um cadastro de reserva, colocamos 38 agora que estão fazendo o Dezembro Azul da segurança pública, estando em todos os cantos da área central os guardas novos, com os seus equipamentos, fazendo a ronda, inclusive aos domingos. A tendência é que possamos abrir mais novas turmas, com mais capacitação, não que os que estão não façam, pois eles fazem o seu trabalho com excelência, mas esses que estão vindo novos estão com sangue nos olhos. Cada vez que se começa a renovar, com uma capacidade de ensino ainda melhor como temos na Academia, isso é bom para a segurança pública do nosso município. A Polícia Militar faz o seu trabalho, a GCM também faz, assim como a Polícia Civil, mas é importante salientar que a Guarda Municipal presta um trabalho exemplar junto com os órgãos de segurança do Paraná.

Folha do Litoral News – Com relação aos investimentos na educação e no esporte no município, como o município está atuando neste sentido e qual a expectativa para 2023? 

Marcelo Roque – Continuamos fazendo a ampliação das escolas e reforma, finalizamos algumas durante 2022, o Nascimento Júnior, por exemplo, já está completamente renovado, há Centro Municipais de Ensino Infantil (CMEI´s) sendo reformados. A Escola Tiradentes, em Alexandra, está recebendo um investimento de mais de R$ 5 milhões em estrutura sendo erguida. O CMEI nós inauguramos um novo na Labra. Estamos acabando a licitação para o CMEI no Jardim Guaraituba, na antiga Vaca Mecânica, onde faremos um centro totalmente novo. Estamos investindo muito em educação em Paranaguá, a cada ano que passa aumenta o número de crianças que precisam de matrículas que temos feito por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semedi). Outro avanço importante é na área de esporte, que hoje no nosso município avançou muito. A nossa Sala de Reuniões da Prefeitura a cada semana praticamente recebe atletas com medalhas em primeiro lugar, segundo lugar, a nível nacional e no Paraná, em todas as modalidades. Todos os anos investimos no esporte junto aos nossos jovens mais de R$ 2,5 milhões, sem falar os quase R$ 1 milhão para nossos atletas, que já estão com a sua carreira consolidada, mas levam o nome de Paranaguá a todos os cantos do Brasil e do mundo. A Arena Albertina Salmon foi palco do Mundial Sub-21 de Futsal neste ano e será palco novamente. O Caranguejão foi reformado pela nossa gestão e já abrigou eventos, como shows e até mesmo o Campeonato Paranaense. Inauguramos também a revitalização do nosso patrimônio histórico que é o Ginásio Joaquim Tramujas, que agora conta com uma bela estrutura, com uma função junto aos jovens e ao esporte, com os nossos projetos sociais, como ocorre nas 13 unidades do Meu Campinho espalhadas em diversas regiões de Paranaguá, mas o Joaquim Tramujas terá duas funções, tanto do esporte, quanto no inverno com a assistência social onde abrigamos os nossos moradores em situação de rua com mais conforto e humanidade. Ficamos muito felizes em investir em educação e esporte no nosso município. Muitas vezes as pessoas confundem com críticas, mas o esporte tira os jovens do tempo ocioso, das drogas, essa é a função que esperamos e contamos desde o início da gestão. O Helton, secretário de Esportes, está colhendo frutos do que plantamos lá no início e estamos colhendo, com Paranaguá sendo vitrine no Paraná e no Brasil, em diversas modalidades esportivas, constando as paralímpicas, que temos um carinho especial. O futsal cresceu muito com a APAF, com o Rio Branco, inclusive com o Rio Branco Feminino que disputou um título paranaense este ano e vai disputar a série principal do nosso campeonato paranaense e quem sabe assim disputar uma liga nacional. Teremos também o Mundial Feminino no mês de julho com a decisão já marcada, ou seja, teremos o Mundial Sub-21 em maio e a disputa do Mundial Feminino em Paranaguá, com a Sportv transmitindo e levando a imagem de Paranaguá ao mundo inteiro. Então, ficamos muito felizes de poder estar contribuindo com o esporte e educação do nosso município.

plugins premium WordPress