conecte-se conosco

Portos do Paraná

Visita de diretores da Portos do Paraná movimenta Cooperativa Agrária Industrial, em Guarapuava

Foco foi discutir novas estratégias para aumentar a movimentação de cargas vindas do centro-sul do estado para o Porto de Paranaguá

Publicado

em

Fotos: Pierpaolo Nota/Portos do Paraná

Uma comitiva da Portos do Paraná, capitaneada pelas diretorias de Desenvolvimento Empresarial e de Operações, esteve nesta segunda-feira, 8, na Cooperativa Agrária Industrial, em Guarapuava. A visita teve como foco discutir novas estratégias para aumentar a movimentação de cargas vindas do centro-sul do estado para o Porto de Paranaguá.

Diversos temas também foram abordados: incremento na importação e exportações, arrendamentos, aumento da capacidade operacional do porto, questões ambientais, benefícios da mecanização, funcionamento do Corredor de Exportação, possibilidade de surgimento de novos portos no litoral paranaense, relação com o Governo Federal, entre outros assuntos.

Segundo o diretor de Desenvolvimento Empresarial da Portos do Paraná, André Pioli, a visita foi extremamente positiva. “A Agrárias é um grande parceiro do porto, merece toda nossa atenção e respeito. Além de alinharmos várias questões, tomamos conhecimento do cronograma de importações de 2023 e de ações que estão sendo implantadas na cooperativa visando melhorar ainda mais a carga e descarga de seus produtos”, explica Pioli.

Para Gabriel Vieira, diretor de Operações da Portos do Paraná, “o importante é passar aos nossos clientes uma tranquilidade e confiabilidade no porto. Demonstrar que estamos preparados para atender e construir juntos, dispostos até a entender e saber como melhorar demandas pontuais de infraestrutura ou capacidade portuária que possam aperfeiçoar a operação. ”

“Para nós é extremamente importante ter proximidade com o porto, é um prestador de serviço de grande qualidade, de uma parte importantíssima na nossa cadeia produtiva de malte, farinhas, entre outros produtos”, salienta André Luiz Spitzner, gerente de Operações Logísticas da Agrária.

“Conversa produtiva, também serviu para conhecemos o novo diretor de Operações, o Gabriel. Cheio de energia, conhecimento e vontade de fazer, com certeza vai conduzir com maestria os projetos de interesses comuns do porto e da Agrárias”, finaliza Spitzner.

MOVIMENTAÇÃO

A Cooperativa Agrária Agroindustrial é importante produtora e fornecedora de malte para a indústria cervejeira do país. Para essa produção, o grupo utiliza os portos do Paraná para a importação de cevada.  Neste ano, de janeiro a abril, foram desembarcadas 68 mil toneladas do produto pelo Porto de Paranaguá.

A Agrária também é cliente na exportação de granéis. De janeiro a abril, neste ano, a Agrária exportou 62.723 toneladas de soja, em grão e em farelo, pelos terminais portuários paranaenses.

Fonte: Portos do Paraná

Em alta