conecte-se conosco

Polícia

Tiros na madrugada: Rapaz é assassinado dentro de uma casa no Jardim Iguaçu e homem é alvejado nas pernas na Vila Portuária

Marlon Cezar Nunes dos Santos Souza foi alvejado por vários disparos de arma de fogo dentro de uma casa no Jardim Iguaçu

Publicado

em

A madrugada de sexta-feira, 25, foi bastante movimentada no setor de urgência e emergência em Paranaguá. Equipes da Polícia Militar, SAMU – Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, IML – Instituto Médico Legal, Criminalística e Polícia Civil, atenderam duas ocorrências de disparos de arma de fogo.

JARDIM IGUAÇU

O primeiro chamado para o COPOM – Centro de Operações Policiais Militares, o 190, foi realizado por volta da 1h30.

Moradores da Rua dos Jacarandás entraram em contato com a corporação relatando que dentro de uma casa, foram ouvidos vários disparos de arma de fogo.

Viaturas foram para o endereço indicado e encontraram, dentro de um quarto, Marlon Cezar Nunes dos Santos Souza, de 23 anos, baleado.

Gravemente ferido, Marlon morreu no local. O óbito foi constatado por socorristas do SAMU.

Foto Ilustrativa

PILASTRA

Um casal, que também estava na casa e dormia no momento do crime, contou aos policiais militares que o portão do imóvel estava trancado.

As testemunhas acreditam que o autor dos disparos danificou uma pilastra de concreto do muro e invadiu a residência. Nenhuma característica do suspeito foi repassada para as equipes que atenderam a ocorrência.

PERÍCIA

Periciado no local pela Criminalística, o corpo de Marlon foi encaminhado para a sede do IML, onde passou por exames complementares.

Policiais civis acompanharam o procedimento e conversaram com testemunhas. Os investigadores descobriram que a vítima tinha antecedentes criminais e que foi preso recentemente em uma operação policial.

10.º HOMICÍDIO

Foi o décimo homicídio registrado em Paranaguá esse ano. No litoral são 23 casos.

Marlon Cezar Nunes dos Santos Souza foi alvejado por vários disparos de arma de fogo dentro de uma casa no Jardim Iguaçu

VILA PORTUÁRIA

A segunda ocorrência da madrugada foi atendida pelas equipes na Rua Tupinambá, na Vila Portuária, por volta das 4h.

Moradores do bairro acionaram a Polícia Militar por conta de disparos de arma de fogo, ouvidos na região.

Durante patrulhamento, as equipes encontraram Emerson da Silva, de 44 anos, caído na via. O homem foi atingido por disparos de arma de fogo, nas pernas.

Consciente, Emerson relatou que caminhava pela região quando dois indivíduos em uma motocicleta passaram ao seu lado e atiraram na sua direção.

Foto Ilustrativa

Atendido no local por socorristas do SAMU, o homem foi encaminhado para a emergência do Hospital Regional, onde permanece internado.

Viaturas realizaram buscas pelas proximidades, mas os suspeitos não foram localizados.