conecte-se conosco

Polícia

Seis pessoas presas e duas pistolas apreendidas em ação da Polícia Militar em Pontal do Paraná

Uma das armas apreendidas pode ter sido usado em uma execução ocorrida no balneário de Praia de Leste

Publicado

em

Informações repassadas para a ALI – Agência Local de Inteligência, da Polícia Militar, com relação a um grupo suspeito de participação em uma execução registrada na madrugada de segunda-feira, 15, no Balneário de Praia, em Pontal do Paraná, levaram equipes da ROTAM – Rondas Ostensivas Tático Móvel e da RPA – Rádio Patrulha Auto até uma casa, na Rua Itaporanga, no Balneário de Ipanema.

FUGA

No local os policiais cercaram o imóvel, onde os suspeitos estariam hospedados, e flagraram três indivíduos fugindo pelos fundos do terreno. O trio pulou a janela de um quarto e tentou se esconder em uma residência próxima.

Perseguidos e abordados, com Kelvin Cleverson Nicolau, de 29 anos, morador na cidade de Campo Largo, e Willian Mota Campos, de 26 anos, de Pontal do Paraná, as equipes encontraram uma pistola calibre 9mm, com 18 munições intactas no carregador. A arma estava escondida em uma bolsa, cor preta.

Dentro do acessório foram encontradas também 75 munições do mesmo calibre.

Outras 48 munições de calibre .380 foram recolhidas no quintal da casa e no interior de uma churrasqueira.

O terceiro suspeito não foi localizado.

QUITINETE

Seguindo com a abordagem, os policiais entraram no imóvel apontado na denúncia e encontraram Diego Miranda, de 21 anos, morador em Pontal do Paraná, Diego Silva de Araújo, de 31 anos, morador no bairro Jardim Ouro Fino, em Paranaguá, e David Cordeiro, de 29 anos, morador no Balneário Carmery.

Na quitinete onde os três indivíduos estavam foi encontrada uma pistola calibre .40, com sete munições no carregador.

Também foram recolhidos no imóvel, dois aparelhos celulares e certa quantia em dinheiro trocado.

FORAGIDO

Durante a identificação dos indivíduos presos, os policiais constataram que contra Kelvin Cleverson Nicolau havia um mandado de prisão em aberto. O documento foi expedido pela comarca de Campo Largo.

Uma mulher, de 23 anos, que estava descumprindo uma medida judicial, também recebeu voz de prisão.

Todos os envolvidos e o material apreendido foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil, em Ipanema.

PISTOLA

Uma das armas apreendidas com o grupo, uma pistola calibre .40, pode ter sido usada na morte de Ivonei Fabiano Alberti, de 27 anos, conhecido como “Berninho”.

Ivonei foi assassinado com dois tiros, na madrugada de segunda-feira, 15, na frente da esposa e da filha, de apenas 4 anos, no Balneário de Praia de Leste, em Pontal do Paraná.

Durante a perícia realizada no local onde “Berninho” foi executado, a equipe da Criminalística recolheu um estojo e um projétil de munição calibre .40.

A investigação e outros procedimentos técnicos, como exame de balística, devem ser realizados pela Polícia Civil, que segue investigando o caso.