conecte-se conosco

Polícia

PF deflagra operação para combater exploração sexual de crianças e adolescentes

A mobilização contou com 300 policiais federais que cumprem 50 mandados de busca e apreensão em 20 estados, incluindo o Paraná e Distrito Federal

Publicado

em

Foto: PF

Para marcar o 18 de maio, Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, a Delegacia de Polícia Federal em Paranaguá deflagrou a Operação Égide que tem como objetivo combater o comércio e compartilhamento de imagens e vídeos contendo cenas de abuso sexual infantil pela internet.

Durante a investigação iniciada pela Polícia Federal no fim do ano de 2022 foram identificados dezenas de suspeitos atuando na venda, compartilhamento e aquisição de imagens e vídeos com conteúdo pornográfico infanto-juvenil.

Os criminosos iniciavam negociatas de compra, venda e troca de arquivos nas redes sociais e, posteriormente, migravam para grupos fechados de aplicativos de mensagens menos conhecidos, que se destinavam exclusivamente ao compartilhamento de material contendo pornografia de crianças e adolescentes.

NACIONAL

A mobilização contou com 300 policiais federais que cumprem 50 mandados de busca e apreensão em 20 estados, incluindo o Paraná e Distrito Federal. Os flagrados na posse de conteúdo pornográfico de crianças e adolescentes serão presos como autores dos crimes previstos no Estatuto da Criança e do Adolescente.

Em caso de condenação, os criminosos são punidos com penas de reclusão que podem atingir quatro a oito anos, além de multa. As penas podem ser aumentadas de acordo com o número de condutas praticadas.

A partir dessa e de dezenas de outras ações, a Polícia Federal reafirma seu compromisso com a defesa da dignidade sexual de crianças e adolescentes e com o reiterado monitoramento de atividades dessa natureza na rede mundial de computadores.

A Polícia Federal destaca que o consumo desse tipo de conteúdo fomenta a prática de violência sexual contra crianças, cujos danos psicológicos e sociais causados às vítimas são permanentes. De acordo com estudos registrados por pesquisadores dessa modalidade de crime, os consumidores de conteúdo pornográfico infanto-juvenil podem passar a exercer posição de abusadores, seja pelo desenvolvimento crônico da atração sexual por crianças e adolescentes, seja pela necessidade de interagir em grupos pedófilos.

PARANÁ

No Paraná, os policiais federais cumpriram as ordens judiciais nas cidades de Paranaguá, Palmeira e Campo Largo.

OPERAÇÃO ÉGIDE

Égide significa proteção, amparo, defesa. Na Mitologia Grega, égide era um escudo mágico utilizado por Zeus, supremo mandatário dos deuses que habitavam o monte Olimpo, que lhe protegia nas lutas contra os titãs.

Com informações da Comunicação Social da Polícia Federal no Paraná

plugins premium WordPress