Connect with us

Polícia

Morador em situação de rua é violentamente agredido em Matinhos

Dione Willian dos Santos foi encontrado pelas equipes de emergência caído em uma rua no bairro Vila Nova, em Matinhos

Publicado

em

Equipes de emergência foram acionadas na madrugada de terça-feira, 25, por volta das 3h50, por moradores no Bairro Vila Nova, em Matinhos, para atender um homem que estava caído ao lado de um carrinho de recicláveis e com o rosto coberto com sangue. A vítima estava enrolada em um cobertor e pedindo socorro.

Imediatamente, viaturas da Polícia Militar, Siate, do Corpo de Bombeiros e Samu foram até o endereço indicado.

Ao chegar à Rua Santa Maria, as equipes encontraram Dione Willian dos Santos de 32 anos, agonizando. O homem estava caído na via com o rosto coberto com sangue e tinha cortes profundos na região da cabeça, possivelmente causados por uma faca.

A vítima foi atendida no local e encaminhada para a Unidade de Pronto Atendimento, instalada no balneário de Praia Grande.

Faca

Ao fazer uma busca na região onde Dione foi encontrado, policiais militares e civis recolheram uma faca suja com sangue. Na rua onde a vítima estava caída, as equipes puderam constatar pequenas poças de sangue.

Enquanto era atendido na unidade de saúde, Dione relatou que os ferimentos na cabeça foram provocados por uma queda. Ele não passou mais detalhes sobre a situação.

Dione apresentava sinais de embriaguez ou estava sob efeito de entorpecentes.

Além dos cortes profundos, o morador em situação de rua apresentava vários hematomas pelo corpo.

Viaturas da PM intensificaram o patrulhamento no bairro, mas nenhum suspeito foi abordado.

O caso já está sendo investigado pela Polícia Civil.

Recentemente, um morador em situação de rua foi assassinado a tiros em Matinhos.

Relembre o Caso

No dia 18 de agosto, equipes da Polícia Militar foram acionadas por volta das 6h, para verificar uma situação de disparos de arma de fogo, na Avenida Atlântica, esquina com Rua Ponta Grossa. Ao chegar ao local indicado, as equipes encontraram André Francisco Braga Rocha, de 30 anos, que seria morador em Fazenda Rio Grande, na região metropolitana de Curitiba, baleado. O homem estava caído na via. Uma ambulância do SIATE também atendeu à ocorrência e os socorristas constataram o óbito. A área onde o corpo estava foi isolada e periciada pela Criminalística. 

De acordo com moradores na região onde o corpo foi encontrado, André Francisco Braga Rocha era morador em situação de rua.

Suspeito   

Um indivíduo magro, alto, usando touca colorida, jaqueta bege e bermuda foi visto saindo do local logo após os disparos. O suspeito estaria em uma bicicleta velha. Viaturas intensificaram o patrulhamento no balneário, mas nenhum suspeito foi abordado.

IML

O corpo de André Francisco Braga Rocha foi recolhido ao Instituto Médico Legal de Paranaguá, onde passou  por exames complementares e foi liberado.