conecte-se conosco

Polícia

Corpo de motorista que morreu após tombamento de caminhão na BR-277 é identificado no IML

Publicado

em

Foi identificado na sede do IML – Instituto Médico Legal de Paranaguá, onde estava recolhido, o corpo do motorista do caminhão que tombou nas proximidades do km 15, da BR-277, em Paranaguá, no começo da noite de segunda-feira, 22.

João Maria dos Santos, de 53 anos, morava na região de Ponta Grossa, nos Campos Gerais, e não resistiu aos graves ferimentos.

O corpo foi retirado das ferragens da cabine por guarnições do Corpo de Bombeiros.

O bitrem, carregado com farelo de soja, saiu da pista no sentido Paranaguá e caiu na canaleta que divide a rodovia federal.

Uma mulher, de 36 anos, com múltiplas fraturas e queimaduras pelo corpo, e sua filha, de 12 anos, com ferimentos moderados, foram encaminhadas por socorristas do SAMU – Serviço de Atendimento Móvel de Urgência para a emergência do Hospital Regional, onde permanecem internadas.

As duas vítimas estariam de carona no caminhão quando o acidente aconteceu. A informação foi apurada no local pelos policiais rodoviários federais que registraram a ocorrência.

Periciado pela Criminalística, o corpo de João Maria foi encaminhado para o IML, onde passou por exames complementares. Familiares do caminhoneiro estiveram na sede do órgão e providenciaram a liberação.

Equipes do DER – Departamento de Estradas de Rodagem ajudaram na orientação dos motoristas que passavam pelo trecho e coordenaram a limpeza das pistas.

O movimento na rodovia federal era intenso no momento do acidente.

Em alta