Connect with us

Polícia

Caminhoneiro é preso acusado de simular sequestro e roubo do veículo

Publicado

em

Uma ação integrada de inteligência, que envolveu equipes da Polícia Militar que atuam em Paranaguá e na cidade de Palmeira, na região dos Campos Gerais, resultou na prisão de um homem, de 44 anos, acusado de simular o próprio sequestro e o roubo de um caminhão.

DENÚNCIA

De acordo com a corporação, uma denúncia anônima repassada para a Agência Local de Inteligência, do 9º Batalhão de Polícia Militar, em Paranaguá, na manhã de segunda-feira, 17, indicava que o motorista de um caminhão entraria em contato com a central 190, na cidade de Palmeira, e relataria ter sido vítima de um roubo, seguido de sequestro, ocorrido na noite de domingo, 16, na região portuária.

Ainda de acordo com a informação repassada pelo denunciante, a intenção era simular o roubo do bitrem, que estava carregado com ureia, e também o falso sequestro do motorista.

LIGAÇÃO

Por volta das 13h, uma ligação foi realizada para o COPOM – Centro de Operações Policiais Militares, no 190, da cidade de Palmeira, e a situação foi relatada conforme a denúncia recebida pela corporação.

Durante a chamada telefônica, um homem contou que no domingo, 16, por volta das 21h, foi vítima de roubo em Paranaguá e que os criminosos, além de levarem o seu caminhão, também o sequestraram. Ele relatou ainda que tinha acabado de ser libertado.

Ciente da situação, uma equipe foi até o local indicado pela vítima para fazer o resgate.

O caminhoneiro foi levado até a sede da 3º Companhia, do 28º Batalhão de Polícia Militar, onde contou aos policiais como tudo aconteceu.

Indagado sobre alguns detalhes e contradições no fato narrado, o motorista acabou confessando a fraude.

O homem, que mora em Campina Grande do Sul, na Região Metropolitana de Curitiba, disse que receberia R$ 20 mil pela simulação do próprio sequestro e pelo furto do bitrem carregado com fertilizante.

Preso, ele foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil, onde as medidas cabíveis foram adotadas.

O bitrem, carregado com ureia, foi encontrado abandonado em uma rodovia, no município de Fazenda Rio Grande.

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.