Connect with us

Opinião

Ano de superação

O Paraná fecha 2020 com bons indicadores econômicos, sociais e de investimento. Por Guto Silva, secretário-chefe da casa Civil.

Publicado

em

Guto Silva é chefe da Casa Civil

A sensação que se tem é que esse ano de 2020 passou rapidamente, em meio a uma pandemia com tantos efeitos e que foi o grande assunto mundial. Não foi um ano fácil. Mas também não foram doze meses somente de incertezas. Apesar de todas as dificuldades, houve também muito trabalho e avanços importantes.

O Paraná fecha 2020 com bons indicadores econômicos, sociais e de investimento. Metas que foram estabelecidas pelo governador Carlos Massa Ratinho Júnior ao determinar prioridade no enfrentamento da pandemia, mas sem descuidar do plano de trabalho e desenvolvimento do Estado. Assim, o Paraná focou esforços e recursos na saúde, na área social e em ações e projetos que permitissem ao Estado se recuperar mais rapidamente da crise sanitária e econômica.

Para enfrentar a pandemia, foram ações rápidas na estruturação da saúde, com a ampliação de leitos, entrega de novos hospitais e ampliação da testagem e o atendimento aos mais vulneráveis com a distribuição dos alimentos da merenda escolar e o Cartão Comida Boa. O desafio de manter nossos estudantes em atividade foi superado com eficácia e o Paraná virou referência nacional no ensino remoto durante a pandemia.

O governo manteve os serviços portuário e ferroviário funcionando e investimentos em infraestrutura. O Porto de Paranaguá e a Ferroeste bateram recordes de movimentação, os ótimos resultados do setor agropecuário impediram o aprofundamento da crise econômica e as obras rodoviárias e nos municípios geraram empregos.

Assim, o Estado lidera o crescimento industrial do País. São seis meses consecutivos de expansão. O comércio paranaense também vem mostrando novo fôlego. Em outubro foi o segundo setor que mais contratou. O Paraná é o segundo que mais gerou postos de trabalho em 2020, com saldo de janeiro a outubro de 33.615 novos empregos, atenuando as demissões dos primeiros meses da crise.Apesar de o Paraná ter terminado o primeiro semestre com queda de 2,4% no Produto Interno Bruto (PIB), em decorrência da baixa na atividade produtiva, o desempenho é consideravelmente superior à média nacional, já que a estimativa do Ministério da Economia aponta para uma retração de 4,5% na economia brasileira em 2020.

O desempenho positivo mostra o acerto da politica do governador Ratinho Junior ao trabalhar de forma planejada a retomada do crescimento. Haverá significativo investimento no Estado, com uma aplicação de R$ 2,9 bilhões em obras estruturantes. Mais de R$ 1,3 bilhão serão destinados diretamente aos municípios, para a requalificação de escolas, hospitais e demais ações urbanas.

No próximo ano, teremos obras aguardadas há muito tempo que vão aumentar a competitividade do Estado, como o início da restauração e duplicação da BR-277 em Cascavel e Guarapuava; da PR-323 em Doutor Camargo e Umuarama;  da PR-317 em Maringá; a implantação de terceiras faixas na PR-280, no Sudoeste; e a revitalização da Orla de Matinhos. Em conjunto com a Itaipu Binacional terão continuidade as obras da Ponte da Integração e da nova perimetral de Foz do Iguaçu; a duplicação da Avenida das Cataratas; o novo contorno de Guaíra; e será concluída a Estrada Boiadeira, de Porto Camargo a Umuarama. A área social também terá tratamento importante. Haverá aporte extra de recursos para a ampliação do Programa Casa Fácil em suas respectivas modalidades, como Viver Mais Idosos, Viver Mais Gente e Casa Fácil Urbano. Somados os programas, serão 16.205 novas unidades habitacionais.

Outro ponto é a extensão do contrato padrão de trabalho de três para seis meses de até 15.000 contratos de menores aprendizes de 14 a 18 anos de idade. Esse pacote, junto com as intervenções de infraestrutura, terá capacidade de criar mais de 100 mil empregos.O Paraná fecha 2020 com sinais de recuperação econômica e ainda muita preocupação com a pandemia, que acelerou no final de novembro e obrigou o governo a prorrogar o estado de calamidade pública e decretar medidas mais rigorosas para conter a disseminação do vírus.Lembrando que, em julho, o governador Ratinho Júnior foi o primeiro governador do Brasil a prever orçamento exclusivo para uma vacina segura e eficaz aprovada pela Anvisa. São R$ 200 milhões reservados para imunizar a população contra a Covid-19.Enfim, foi um ano marcado por surpresa, sofrimento e superação. Ninguém imaginava que a pandemia seria tão longa e tão forte.

Por isso minha manifestação final é de solidariedade às famílias paranaenses que perderam um ente querido para a Covid-19. Lutamos todos contra essa doença. Eu mesmo fui infectado. Infelizmente, já tivemos mais de 7 mil vítimas no Estado. A essas famílias, meus profundos sentimentos. Juntos, temos que ir em frente, continuar enfrentando à pandemia e seus efeitos, continuar trabalhando para construir um Paraná cada vez melhor. Desejo a todos um Natal com muita alegria e bastante prevenção. E um Ano Novo de união, paz e prosperidade.

 Guto Silva é secretário-chefe da Casa Civil do Governo do Paraná

Leia também: É “Tempo de avançar na Enfermagem”, diz Maria Goretti

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.