conecte-se conosco

Litoral

Morretes é credenciada como ambiente promotor de inovação pelo Estado

Município é o único do litoral em lista com outras 42 cidades no Paraná

Publicado

em

Foto: Prefeitura de Morretes/Divulgação

Tecnológicos do Paraná (Separtec), credenciou 188 ambientes promotores de inovação no Paraná, constando entre eles 42 municípios paranaenses. Na lista de cidades, a única selecionada no litoral foi Morretes, que possui dois ambientes inovadores por meio dos projetos “Agência de Inovação Municipal” e “Centro de Inovação Municipal”. Com a seleção, um novo edital será lançado pelo Separtec que indicará recursos financeiros e incentivos fiscais para o fomento desses ecossistemas, constando entre eles o município litorâneo.

Segundo o Separtec, a ação foi lançada em setembro e contemplou todas as regiões do Paraná. “Segundo a Lei Estadual de Inovação do Paraná (20.541/2021), os ambientes de inovação são espaços públicos e privados que favorecem ações de empreendedorismo, inovação e pesquisa científica e tecnológica. No credenciamento do Separtec, os ecossistemas são qualificados em 10 categorias: aceleradoras; agências de inovação; centros de inovação; espaços maker; hubs de Inovação; incubadoras; pré-incubadoras; e parques tecnológicos em operação, em implantação e em planejamento”, detalha a assessoria.

De acordo com o secretário estadual da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Aldo Bona, os ambientes de inovação são de suma importância para  alavancar o crescimento socioeconômico. “Os ambientes de inovação oferecem infraestrutura para incentivar o desenvolvimento de projetos que criam novos produtos, serviços e negócios para o mercado, aproximando os segmentos produtivos acadêmico e empresarial, com impacto direto na ampliação e no fortalecimento da competitividade local e regional”, destaca.

Morretes

“Esse reconhecimento fortalece o desenvolvimento operacional, a imagem e a reputação desses ambientes, atraindo investidores, fomentando o surgimento de empresas inovadoras, o desenvolvimento da cultura empreendedora e a formação de talentos”, afirma o prefeito de Morretes, Junior Brindarolli

De acordo com o Governo do Estado, 25 prefeituras foram contempladas com credenciamento de 31 ambientes de inovação ligados aos municípios. “Assaí, no Norte do Estado, obteve três credenciamentos, seguida por Morretes, no Litoral, Curitiba, Araucária e Colombo, na Região Metropolitana da Capital, com dois ambientes cada. As demais prefeituras propuseram um projeto cada”, detalha.

O prefeito de Morretes, Sebastião Brindarolli Júnior, o “Junior Brindarolli”, explicou que o município credenciou dois ambientes promotores de inovação. Um deles é a Agência de Inovação Municipal que possui “como missão fomentar a criação de um ambiente de negócios propício para a inovação e desenvolvimento sustentável do Município. Para tanto, conta com um escritório que coloca em marcha a criação de um ecossistema de inovação colaborativo robusto, com uma governança eficaz onde esse ambiente possa, além de desenvolver e reter talentos, propiciar internações significantes, compartilhamento de boas práticas, desenvolver projetos de pesquisa e desenvolvimento e atrair investimentos”, completa.

O outro ambiente cadastrado foi o Centro de Inovação Municipal. “Esse espaço tem como missão estimular a cultura de inovação e do empreendedorismo nas organizações públicas e privadas do município promovendo a inovação por meio dos negócios, contribuindo para o desenvolvimento sustentável da região. Para tanto, busca fomentar a criação e a coexistência com outros espaços como um espaço maker, um coworking, um hub de inovação, uma pré incubadora, espaço do pensar e uma auditório e atualmente conta com um escritório instalado na Secretaria de Governo a fim de integrar, estabelecer conexões e alianças entre os governos, empresas, empreendedores, investidores, universidades e demais organizações de pesquisa e desenvolvimento que compõem o ecossistema da Agência de Inovação de Morretes”, detalha Junior Brindarolli.

“Esse reconhecimento fortalece o desenvolvimento operacional, a imagem e a reputação desses ambientes, atraindo investidores, fomentando o surgimento de empresas inovadoras, o desenvolvimento da cultura empreendedora e a formação de talentos para o município, a região e o Estado visto que a inovação é um dos principais pilares para o desenvolvimento econômico sustentável e para a melhoria da qualidade de vida da população paranaense e que, nesse sentido, é estratégica a criação de ambientes propícios para o surgimento e a consolidação de empreendimentos inovadores, impulsionando o progresso tecnológico, a competitividade das empresas e a geração de empregos qualificados e renda”, finaliza o prefeito.

Com informações da AEN

Em alta