conecte-se conosco

Infraestrutura

Chuvas acima da média prejudicam execução de pavimentações e manutenção de vias em Paranaguá

Outubro está sendo marcado por muita instabilidade e chuva forte sobre o Sul do País

Publicado

em

Foto: Divulgação / Prefeitura de Paranaguá

As chuvas de outubro já são as maiores desde 2017 e a primavera está sendo marcada pela presença do fenômeno La Niña e o resultado é muita instabilidade climática.

As fortes e constantes chuvas impossibilitam que a Secretaria Municipal de Obras de Paranaguá realize seus serviços e dê continuidade ao cronograma de pavimentações.

O secretário de Obras, Ildeivan da Silva Júnior, explica que as chuvas encharcam o solo e a própria bica corrida que é jogada nas estradas e ruas que não têm pavimentação e acaba se transformando em lama com a tentativa de compactação.

“Então, nós precisamos esperar secar e isso só acontece após dias consecutivos de sol. Com a atual condição de chuvas há um gasto desnecessário de combustível das máquinas e sem um resultado efetivo tanto com serviço de patrolamento, quanto na parte de drenagem que acaba sofrendo erosão”, explicou Ildeivan. “As chuvas dificultam bastante a realização destes serviços”, completou.

E, de acordo com o Sistema de Tecnologia e Monitoramento Ambiental do Paraná (Simepar) o tempo instável, chuvas e descargas elétricas estão previstas até o final de semana no Paraná.

Ainda segundo o Simepar, nos próximos 15 dias a probabilidade de chuva é de 96%.

“As equipes estão à disposição para atender casos emergências, porém, pedimos a compreensão da população. Assim que o tempo melhorar em dias consecutivos, poderemos retomar nossos serviços de pavimentação e tapa buraco”, disse o secretário de Obras.

Cronograma de obras

A Secretaria Municipal de Obras de Paranaguá tem um cronograma extenso para ser executado. A recuperação do revestimento e reforço da capa de rolamento para ruas do Jardim Samambaia e região inclui sinalização viária e drenagem de 18 vias públicas num total de mais de 20 mil metros quadrados de asfalto.

A licitação para definição da empresa que irá executar este serviço acontecerá no dia 11 de novembro, com investimento previsto de R$ 3 milhões.

A Prefeitura de Paranaguá também vai promover obra de recape asfáltico na rua Manoel Pereira e da Avenida Coronel Santa Rita num total de mais de 26 mil metros quadrados abrangendo bairros como Bockman, Leblon, Raia, Alto São Sebastião, Tuiuti, Campo Grande, Alvorada e Eldorado. E a licitação ocorrerá no dia 4 de novembro, num investimento superior a R$ 4 milhões.

Cada uma dessas obras terá cronograma de seis meses para execução.

Com informações da Prefeitura de Paranaguá

Publicidade






Em alta