conecte-se conosco

Fiep

Mercado livre de energia é alternativa viável para indústrias

Mercado livre permite aquisição de energia de diferentes fornecedores

Publicado

em

Foto: Jaelson Lucas/Arquivo AEN

A conta de energia é uma das que mais pesa no orçamento das indústrias, podendo representar até 40% dos custos de produção para alguns setores. Porém, também há muitas alternativas disponíveis para que o empresário consiga minimizar os impactos desses gastos. Uma delas é entrar no mercado livre de energia.

Ao contrário do mercado tradicional, em que o consumidor adquire a energia de um único concessionário, com tarifas reguladas, no mercado livre ele pode optar por diferentes fornecedores. Com a publicação da portaria 50/2022, do Ministério de Minas e Energia, que entra em vigor em 1º de janeiro de 2024, clientes com tarifas do grupo A (atendidos em média tensão) e qualquer demanda contratada poderão optar pela compra de energia de qualquer supridor do Sistema Interligado Nacional. Dessa forma, também terão a liberdade de escolha e acesso a preços melhores.

Para tirar dúvidas e explicar melhor como funciona essa estratégia, o Conselho Temático de Energia da Federação das Indústrias do Paraná (Fiep) vai promover, entre junho e agosto, uma série de eventos sobre o tema. Os encontros serão realizados nas Casas da Indústria espalhadas pelo Estado, em parceria com a Copel.

Os eventos começam nesta terça-feira (6/6), por Ponta Grossa, seguindo para Irati (7/6) e Curitiba (13/6). Em julho, acontecem em Maringá (10/7), Londrina (11/7), Arapongas (12/7) e Apucarana (13/7). Já em agosto é a vez de Cascavel (8/8), Francisco Beltrão (9/8) e Pato Branco (10/8). Haverá ainda um encontro em Guarapuava, em data a ser definida.

Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail [email protected].

Publicidade










plugins premium WordPress