conecte-se conosco

Editorial

Covid-19: avanço na imunização

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Covid-19 foi iniciada em janeiro de 2021. Três anos depois, o País entra em uma nova fase na proteção contra a doença

Publicado

em

editorial

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Covid-19 foi iniciada em janeiro de 2021 com o envio das primeiras doses aos Estados pelo Ministério da Saúde. Já foram cerca de R$ 37 bilhões investidos na aquisição de imunizantes. Três anos depois, o País entra em uma nova fase na proteção contra a doença que vitimou tantas pessoas em todo o mundo.

Neste ano, a partir do dia 1.º de janeiro, as vacinas contra a Covid-19 entraram no Calendário Nacional de Imunização. As vacinas disponíveis nos postos de vacinação são confiáveis contra as formas graves da doença. Desde o início da 1.ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Covid-19, em janeiro de 2021, pode-se observar uma queda importante das internações e dos óbitos nas diferentes faixas etárias à medida que o processo avançou.

O esquema vacinal completo, incluindo as doses de reforço, é essencial para que se possa dar continuidade nas ações e proteger ainda mais a população. Especialmente aqueles que fazem parte dos grupos prioritários, como idosos e pessoas com risco de desenvolver as formas graves da doença.

Com doses seguras, gratuitas e dentro do Calendário de Imunização, cabe à população procurar pelas unidades básicas de saúde, onde também podem ser solucionadas as dúvidas sobre quantas doses já foram tomadas e quais ainda estão pendentes. Além de outras informações quanto aos tipos de vacinas e quantidade.  O aplicativo ConecteSUS também traz informações sobre a situação vacinal de cada cidadão e é uma ferramenta importante para o acesso a esses dados.

Os municípios do litoral possuem imunizantes suficientes para atender a população. Se informe, proteja sua família e contribua para que a Covid não seja novamente uma ameaça.

Em alta

plugins premium WordPress