conecte-se conosco

Coronavírus

Quase 60% dos municípios do Paraná já vacinam crianças sem comorbidades

229 municípios paranaenses aplicam doses neste público

Publicado

em

Foto: Gilson Abreu / AEN

Um mês após o início da vacinação infantil contra a Covid-19 no Paraná, 229 municípios – 57,4% do Estado – já vacinam a faixa de 5 anos ou mais, sem comorbidades. O dado faz parte de um levantamento preliminar da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), com informações repassadas pelos municípios para as 22 Regionais de Saúde.

Nas demais idades, o Paraná possui 43 cidades vacinando acima de 6 anos (10,8%); 48 com mais de 7 anos (12%); 51 acima de 8 anos (12,8%); 14 acima de 9 anos (3,5%), nove com mais de 10 anos (2,2%) e cinco municípios imunizam na faixa dos 11 anos (1,3%).

“O Paraná foi um dos primeiros estados que solicitaram a autorização para a vacinação de crianças e adolescentes ao Ministério da Saúde. Depois de tanta ansiedade por esses imunizantes, hoje temos a disponibilidade da vacina nos 399 municípios, onde mais da metade já atingiram a idade mínima”, afirmou o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto.

DOSES

Desde o início da vacinação desta faixa etária, em 15 de janeiro, 434.236 primeiras doses (D1) pediátricas foram aplicadas no Paraná. A estimativa do Ministério da Saúde é que o Estado possua 1.075.294 crianças de 5 a 11 anos, ou seja, pelo menos 40% já tiveram a primeira dose.

A Sesa já recebeu 695.660 doses para este público e distribuiu 636.520 para os municípios, restando ainda  59.140 vacinas CoronaVac para segunda dose (D2) que permanecem armazenadas no Centro de Medicamentos do Paraná (Cemepar) para envio em tempo oportuno.

MUNICÍPIOS

Em números absolutos, o município que mais aplicou vacinas pediátricas é Curitiba, com 87.102 doses, seguida por São José dos Pinhais (17.815), Maringá (17.303), Londrina (14.605) e Colombo (12.085).

Quase todos os municípios já superaram a vacinação por comorbidades e seguem a imunização por faixa etária, sem necessidade de condições pré-existentes, com exceção de Bela Vista do Caroba, que não havia iniciado a vacinação deste público até esta segunda-feira (14), mas abriu a imunização hoje para crianças com comorbidades de 5 a 11 anos e para a faixa etária de 11 anos.

VACINÔMETRO

Os números preliminares da Sesa são maiores do que os dados disponíveis no Vacinômetro do Ministério da Saúde. A diferença nos dados pode estar relacionada com as instabilidades da base nacional do Programa Nacional de Imunizações (PNI), além de atrasos de notificação.

Fonte: AEN