conecte-se conosco

Coronavírus

Hospital Regional tem cerca de 54% dos leitos de UTI Covid ocupados

Taxa de ocupação foi divulgada na quinta-feira, 19

Publicado

em

Os dados de gerenciamento do Núcleo Interno de Regulação do Hospital Regional do Litoral (HRL) foram divulgados, na quinta-feira, 19, pela 1.ª Regional de Saúde, que abrange os sete municípios do litoral. A taxa de ocupação dos leitos da UTI Covid no hospital, até a quarta-feira, 18, é de 54,3%. Dos 35 leitos disponíveis para o tratamento da doença, 19 estavam ocupados. 

Na data mencionada, havia sete moradores em Paranaguá, três em Pontal do Paraná, quatro em Matinhos, três em Guaratuba, um em Antonina e um em Morretes internados na UTI Covid do HRL. Nenhum morador em Guaraqueçaba estava registrado, relacionado ao tratamento da Covid em Unidade de Terapia Intensiva.

Enfermaria

As informações revelam, ainda, que os leitos de enfermaria estão com taxa de ocupação de 47,4%. Dos 38 leitos disponíveis para receber os pacientes com Covid, apenas 18 estavam ocupados. Destes, oito pacientes são residentes em Paranaguá, cinco são de Pontal do Paraná, dois de Guaratuba, um paciente de Antonina, um de Morretes e um de Matinhos. Novamente, nenhum morador em Guaraqueçaba estava internado na enfermaria Covid.

Apesar dos leitos não estarem superlotados, os óbitos continuam sendo registrados no HRL. No último informe divulgado pelo Hospital, uma pessoa, que estava internada na UTI, perdeu a vida para a doença. Segundo os dados, na quarta-feira, 18, não houve alta hospitalar e nenhuma transferência interna havia sido realizada.

Total de leitos no Paraná

O Governo do Paraná conta com 4.987 leitos exclusivos para tratamento de Covid-19. Para adultos, são 2.007 leitos de UTI e 2.924 enfermarias, além de 22 leitos de UTI e 34 enfermarias para crianças. Em 21 de fevereiro, eram 1.226 leitos de UTI e 1.783 enfermarias, além de 22 leitos de UTI e 16 enfermarias pediátricas.

A região Leste é a que mais possui leitos no Estado (Geraldo Bubniak/AEN)

“A estratégia do Paraná para o tratamento dos pacientes é através do reforço à infraestrutura já existente na rede hospitalar, capacitando os estabelecimentos de saúde com novos leitos e descentralizando o atendimento para um grande número de cidades. Com isso, cada região teve sua estrutura fortalecida. A Leste é a que mais possui leitos: são 1.061 UTIs, 1.503 enfermarias, 10 UTIs pediátricas e 22 enfermarias pediátricas”, informou a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa).

Em alta