conecte-se conosco

Coronavírus

Em uma semana, 392 casos de Covid-19 são registrados em moradores de Guaratuba

Além disso, mais 150 diagnósticos foram confirmados entre turistas e veranistas

Publicado

em

Foto: Arquivo

Na segunda-feira, 10, a Prefeitura de Guaratuba, através da Secretaria Municipal de Saúde, emitiu o Boletim da Semana Epidemiológica n.º 01, apontando o cenário da pandemia entre o dia 2 a 8 de janeiro, sendo o primeiro informe divulgado em 2022. De acordo com os dados técnicos, em cerca de uma semana, 392 casos de Covid-19 foram positivos apenas entre moradores no município. Além disso, 150 diagnósticos foram confirmados para Coronavírus entre turistas e veranistas que estão na cidade nesta temporada de verão, algo que, possivelmente, está relacionado com a variante Ômicron. 

Segundo o município, “o aumento exponencial de casos acompanha o cenário mundial, nacional e estadual”, ressaltando que no mesmo período, 1.036 novos casos de Coronavírus foram confirmados no litoral do Paraná. “No Paraná nós ainda não temos um registro oficial da variante Ômicron. Porém, pelo modo de transmissão, pelo caráter rápido, inclusive atingindo vacinados mesmo que em um quadro mais leve, tudo leva a crer que nós já tenhamos no Paraná a variante Ômicron”, afirma o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto.

De acordo com a pasta municipal, com relação à circulação da Ômicron, as amostras de pessoas positivas para a Covid-19 foram “enviadas para sequenciamento na Fiocruz e devem ter seus resultados divulgados em breve”, acrescenta. .

Ômicron e prevenção

“A variante ômicron, muito mais contagiosa que as demais, está se espalhando rapidamente pelo mundo, fazendo com que os números de contaminação cheguem a níveis inéditos em toda a pandemia. No Brasil, pesquisas apontam que a ômicron já é a cepa dominante. Embora os sintomas sejam menos graves do que as variantes anteriores, a ômicron não pode ser classificada como leve, ela está causando hospitalizações e mortes”, afirma a Prefeitura de Guaratuba, repassando informações do diretor-geral da OMS (Organização Mundial da Saúde), Tedros Adhanom Ghebreyesus.

“Predominam como sintomas da Ômicron: coriza, dor de cabeça, cansaço, espirros e dor de garganta. A febre também pode surgir, mas com menos frequência. A pandemia não acabou É necessário intensificar as medidas de prevenção à Covid-19, como o uso de máscara, distanciamento e higienização constante das mãos”, destaca a assessoria.

O município ressalta que os cidadãos devem procurar fazer o teste da Covid-19 quando aparecerem os sintomas da doença ou quando tiverem contato com uma pessoa positivada. “A vacina continua sendo a melhor forma de não desenvolver caso grave da doença. A maioria de internamentos e mortes por Covid-19 no mundo inteiro são de pessoas não-vacinadas”, completa.

Testagem em Guaratuba

“O Centro de Coletas, Monitoramento e Rastreamento para Covid-19, junto ao espaço da Colônia dos Fiscais, está ativo realizando a testagem da população, monitoramento dos casos positivos e rastreamento de contatos. Pessoas com sintomas ou que tiveram contato com positivados podem ir também até a Central de Coleta Municipal, de segunda a segunda, das 8h às 11h30 e das 13h às 16h30. O endereço é: Rua Teixeira Soares, esquina com Plínio Tourinho, acesso pelos fundos da Colônia dos Fiscais”, explica o município.

A prefeitura ressalta que o morador e turista também podem baixar gratuitamente o aplicativo “Dados do Bem” para fazer uma autoavaliação. “A inteligência de dados vai analisar os sintomas, e se a autoavaliação indicar probabilidade de contaminação, você receberá pelo aplicativo um QR Code com data e hora para comparecer ao posto de coleta da Secretaria Municipal da Saúde. O link é o  https://dadosdobem.com.br/get-app“, finaliza.

Com informações da Prefeitura de Guaratuba