conecte-se conosco

Crônicas

Nova Casa

Para isso servem as emoções. Para nos tirar do piloto automático, dos dias em que muitos se agarram numa sequência lógica de planejamento e não permitem que algo de novo ventile.

Publicado

em

Desconfio daqueles que, diante de um novo acontecimento, de uma mudança de rota, de uma possibilidade acenando, reagem de maneira blasé como se nada fosse capaz de fazê-los mover um músculo.

Sempre achei que essas pessoas disfarçam bem. Só pode.

Não é possível que, com a expectativa de algo latente e pulsante, não lhes ocorra o tradicional frio na barriga, umas gotas de suor surgidas de maneira muito rápida na testa, algum tremor, um coração saltitando de forma descompassada dentro do peito, uma noite em claro.

Para isso servem as emoções. Para nos tirar do piloto automático, dos dias em que muitos se agarram numa sequência lógica de planejamento e não permitem que algo de novo ventile.

Engessados, muitos seguem em suas teorias de certo e errado, de fórmulas prontas, das repetições de padrões e comportamentos, talvez porque lhes promovam uma certa segurança e conforto.

A palavra “mudança” costuma nos desestabilizar. Não se sabe ao certo o que nos espera lá na frente. Por isso, muitos acham melhor transitar em territórios já conhecidos, com passos certos, o que em hipótese alguma lhes garante estabilidade.

A vida não é estável. Entrega-nos dias fáceis e difíceis, alegrias e tristezas, altos e baixos, euforias e desalentos, ou seja, um cardápio de sinônimos e antônimos.

E é justamente aí que está a graça. Já pensou no tédio que seria, se tudo respeitasse uma sequência preestabelecida?

Não tendo o controle de nada, a vida promove guinadas e alterações de trajetos que nos pegam de surpresa: um amor novinho em folha, o nascimento de um filho, uma vaga de emprego, um “sim” para o pedido de casamento, o ingresso na faculdade e, para mim, recentemente, um convite para escrever uma coluna de crônicas neste veículo de comunicação.

Aqui, na nova casa, faço hoje a minha estreia, com a expectativa de atrair novos leitores e de consolidar ainda mais o vínculo com os que me acompanham nessa jornada.

Sou do time de pessoas que escancaram as emoções, que mostram sem medo os sentimentos que latejam, mesmo que para isso pareçam frágeis.

Antes frágeis do que duras. Antes vertendo lágrimas em público do que controlando as emoções. Antes de tudo, humanas e não máquinas.

Abraço o espaço concedido como uma oportunidade de fazer aquilo que gosto: escrever. Como consequência, espalho literatura e arte por meio de crônicas que traduzem o nosso cotidiano em palavras escritas.

Acompanhem! Que seja um passeio. Com muita emoção, claro!

Por Kátia Muniz

E-mail: [email protected]

Continuar lendo
Publicidade

Em alta

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.