conecte-se conosco

Valmir Gomes

Os Quatro

No final de semana tivemos os jogos que definiram as quatro equipes, da próxima fase do nosso Campeonato Estadual

Publicado

em

No final de semana tivemos os jogos que definiram as quatro equipes, da próxima fase do nosso Campeonato Estadual. Tivemos algumas surpresas nos resultados, exemplo a goleada do Maringá em cima do Cascavel, também a dificuldade do Athletico em cima do Londrina. Os coxas ao natural passaram pelo Cianorte, como já era esperado. Lá em Ponta Grossa os donos da casa passaram trabalho para vencer o São Joseense. Ficou uma certeza que o Maringá cresceu durante a competição, enquanto o Cascavel caiu muito de produção. Os quatros Coritiba, Athletico, Maringá e Operário, seguem adiante em busca do título.

CLAUDINEI DE OLIVEIRA

Assisti com toda atenção possível o jogo Operário X São Joseense, uma partida parelha na primeira etapa, apesar do maior volume de jogo do Operário. No tempo final o dono da casa, transformou o volume de jogo em gols e passou de fase. O time de São José dos Pinhais, entretanto, deixou uma boa impressão durante o campeonato. A surpresa foi a saída do técnico Catalá do comando do Operário. Na verdade, andava sendo muito cobrado pelos torcedores. Pediu o boné e voltou para São Paulo, enquanto chegava o novo comandante do futebol, Claudinei de Oliveira e seu auxiliar Luciano Gusso, dupla de vencedores por onde passaram. Ótimos profissionais e gente da melhor qualidade. Boa sorte para eles.

O JOGO DA ARENA

Fazia tempo que não ia na Arena, um estádio exemplar por seu modernismo e sua boa administração. Tudo funciona perfeitamente, funcionários educados e atenciosos. Um exemplo para o Brasil. O jogo foi truncado, o Tubarão se defendeu bem e atacou pouco, os donos da casa estavam meio embaralhados, custaram encontrar o caminho do gol. O resultado 2×1 espelha o que foi a partida. Nas penalidades a torcida e o goleiro Santos, ganharam a vaga.

GOLEADA DO GALO

Sei não, a vitória por goleada, do Galo sobre a serpente, pode mudar os planos do futebol em Cascavel. Enquanto o Maringá é uma agradável surpresa, o FC Cascavel se torna a decepção do campeonato. Ao Galo as honras da vitória da goleada histórica, enquanto o derrotado Cascavel deve rever o seu departamento de futebol.

OS MENINOS DO RIO BRANCO

Estou na melhor das expectativas quanto ao departamento das categorias de base do Rio Branco, vou me informar sobre o início das atividades e seus profissionais. Contem comigo toda cobertura possível, me proponho ajudar e passar minha experiência a comissão técnica e atletas. Sem ônus algum aos cofres do querido Rio Branco. Avante, Leão.

A VAIA DA TORCIDA

O jogo entre Atlhetico X Londrina se encaminhava para seu final, de repente ecoa uma vaia na Arena inteira. A torcida do CAP pedindo a saída do seu treinador. Um evidente sinal, que existe uma diferença entre o comandante técnico e sua torcida. Sei não ou Alberto Valentim ganha o Estadual de tala erguida, ou teremos novidades no comando técnico do CAP. Trabalhar sempre com a torcida contra é um fardo pesado demais para qualquer profissional. O título Estadual pode selar a paz, ou não?

MARINGÁ EM FESTAS

Convenhamos, a cidade mais festiva deste final de semana foi Maringá, o povo adora futebol, o time é novo com bons resultados, uma goleada junto com a classificação. Que venha o Operário de Ponta Grossa, outra força do nosso futebol. Esta semana será de bons e decisivos jogos. Atle-tiba numa ponta e Maringá X Operário na outra, futebol dos bons, para todos os gostos.

Continuar lendo
Publicidade