conecte-se conosco

Espaço Poético

Reflexão

Publicado

em

Tempo de fuga!
Tempo de olhar a vida nos olhos,
E depois, tudo começa de novo.
Observo,
Minha caneta procura por palavras
Que eu nunca escrevi.
Palavras para perturbar os minutos,
As horas,
Quebrar o vidro atrás do qual eu esperei ouvir passos,
Ver pegadas.
Me refaço de todas as minhas descompassadas batidas,
Ilusões e contradições.
Porque viver não é uma condição, mas
O prazer que grita dentro de mim,
O infinito que anda ao meu lado,
O vento que me faz fechar os olhos
Pintando dinâmicas inesperadas e inatingíveis.
Observo sombras que se fundem com a minha
Nas paredes iluminadas
Da necessidade sobrenatural,
De viver as maravilhas da vida!

Autoria: Juciane Afonso

Publicidade






Em alta