conecte-se conosco

Espaço Poético

Gabriel de Lara

Povoado de Pernaguá
Enricou com o aluvião

Publicado

em

Povoado de Pernaguá

Enricou com o aluvião

Mas não demorou pro rei

Saber dessa situação

Mil seiscentos e quarenta

Investido de poder

Vindo em nome da coroa

Pra desordem desfazer

Chegou Gabriel de Lara

E um pelourinho ergueu

Sinal de ordem e justiça

Que logo se sucedeu

Na verdade o Rei queria

O que dizia que era seu

Os quintos do seu imposto

Que o Peneda nunca deu

Capitão-Mor Povoador

Todo cheio de poder

Câmara de Vereador

E eleição veio fazer

O povoado virou Vila

Gabriel de Lara foi fundar

 Vila de Nossa Senhora

Do Rosário de Paranaguá

Assim nasceu a Vila

No Estado mais velha não há

Nosso orgulho parnanguara

Cidade Mãe do Paraná.

Denni Capetta

Publicidade






Em alta