conecte-se conosco

Coluna do Guru

Livro “Bioética e Vulnerabilidade” é lançado na próxima quarta-feira, 26

Lançamento do livro que acontece na Casa Monsenhor Celso, a partir das 19h

Publicado

em

Foto: Irmão Tarachuque - Suriname (2012 a 2017)

Será realizada na quarta-feira, 26, o lançamento do livro “Bioética e Vulnerabilidade” de Jorge Tarachuque. O evento acontece na Casa Monsenhor Celso, a partir das 19h. O livro tem como objetivo identificar a realidade da população em situação de rua no contexto urbano, e traz para a reflexão do público pelo viés da Bioética, está realidade complexa, averiguando a situação de vulnerabilidade das pessoas em situação de rua. Uma realidade local, ao mesmo tempo que global. Diálogo da Bioética de Intervenção e biótica de proteção com a teologia e outras ciências.

Jorge Tarachuque, religioso redentorista, é nascido em Paranaguá, chegou a trabalhar na Missão do Santuário Estadual de Nossa Senhora do Rocio, em 2017 e 2018, com celebrações, direção e aconselhamento espiritual, peregrinação com o ícone de Nossa Senhora do Rocio a outros municípios do Paraná, e bençãos das casas e enfermos entre outras atividades), ao lado do então reitor Padre Joaquim Paron.

Irmão Tarachuque destaca que a pesquisa para o livro se deu através de um diálogo com a bioética de intervenção, com a bioética de proteção, visando somar na luta da população em situação de rua por uma dignidade de vida, além de contribuir com a Pastoral do Povo de Rua. O contexto urbano da pesquisa é a cidade de Curitiba, quando trabalhou na Pastoral da População em Situação de Rua. Vale salientar que a Prefeitura de Paranaguá, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, (Secultur) está apoiando o lançamento do livro. Na foto, capa do livro e o Irmão Tarachuque quando trabalhou no Suriname (2012 a 2017). Todos estão convidados!

Em alta