conecte-se conosco

Ano Novo

Patas do Bem levou alegria para crianças e idosos

Projeto encerra o ano com saldo positivo e com novidades para 2020

Publicado

em

O Projeto Patas do Bem completou um ano e meio de atividades, levando alegria e entusiasmo a crianças e idosos em Paranaguá. A terapia assistida por cães é realizada por meio de um personagem carismático que conquista todos por onde passa: o cão Naruto. Há um ano e meio, Naruto tem sido um verdadeiro terapeuta e contribuído de forma surpreendente com o tratamento de alunos da Rede Municipal que precisam de atendimento especializado.

O projeto começou com a doação do cachorro pela primeira-dama de Paranaguá, Amanda Pereira Roque.

“Me apaixonei pelo cachorro. Começaram os treinamentos, recebemos duas meninas, uma do Rio Grande do Sul e outra da Argentina para nos dar o curso de cão terapeuta, e assim iniciamos o treinamento do Naruto e a socialização dele nos locais”, disse Amanda.

O projeto hoje atende em dias específicos a Apae de Paranaguá, o CMAE (Centro Municipal de Atendimento Especializado) e a Escola Municipal de Ensino Especial Eva Cavani. “Fizemos parceria com a Secretaria Municipal de Educação, começamos a ir nas escolas, nos asilos, para mostrar os benefícios da terapia com cães. Plantamos as sementinhas e estamos colhendo frutos maravilhosos. Visitamos também algumas escolas de outros municípios”, explicou Amanda.

Ela contou que a cada dia se surpreende com os resultados da iniciativa. “Não imaginávamos que ia abranger o que abrange hoje. O quanto de benefícios trouxe para as crianças e suas famílias. Durante os cursos imaginamos de uma forma, mas não que alcançasse essa proporção que tomou hoje”, salientou Amanda.

O Patas do Bem tem colecionado boas histórias, de crianças que apresentaram uma grande evolução após o contato com Naruto. “Algumas crianças marcam a gente. No CMAE tem o Vitor, que tem Síndrome de Melas, e o cão trouxe uma qualidade de vida, pois ele não tinha autoestima, não queria brincar, não tinha amigos, e o cão trouxe mais alegria a ele. Hoje, ele diz que o Naruto é o médico dele. Na Apae, teve o Nilson, a equipe nunca tinha ouvido ele falar uma palavra e um dia ele começou a falar e nós começamos a chorar. Para a gente, são coisas que vão marcar para o resto da vida, é muito especial”, lembrou Amanda.

“Para a gente, são coisas que vão marcar para o resto da vida”, frisou Amanda Roque (Foto: Divulgação/Patas do Bem)

Naruto faz visitas semanais às escolas (Foto: Divulgação/Patas do Bem)

DESENVOLVIMENTO DAS CRIANÇAS

A diretora do departamento de Educação Especial da Secretaria de Educação, Irazilda Bisson Dalago, que atua no CMAE, explicou que 12 crianças já passaram pelo projeto.

“Esta é a primeira vez que trabalho com terapia assistida e é uma alegria muito grande, porque o desenvolvimento das crianças que acompanhamos junto com a terapia assistida é notável. O CMAE trabalha diretamente com as escolas e os relatos que ouvimos sobre a mudança das crianças e da melhora delas é muito grande e a evolução é rápida. Isso nos mostra que o verdadeiro remédio para essas crianças é o amor, a ternura, pois o tratamento com o animal o torna leve, ajuda no desenvolvimento, baixa a ansiedade e o rendimento da criança é muito maior”, contou Irazilda.

A CADA ETAPA, UMA VITÓRIA

A ideia de começar o projeto foi do condutor e treinador canino, Reginaldo Rodrigues Filho, que falou para Amanda Roque sobre a sua vontade de iniciar um projeto de cão terapia. Segundo ele, já foram 21 crianças atendidas com acompanhamento de um profissional da área de saúde.

“Houve uma evolução grande do projeto no sentido de divulgar o que é a terapia assistida. O projeto iniciou em julho de 2018, tivemos uma fase de treinamento e em setembro o Naruto já iniciou o trabalho dele. Em comemoração a um ano, realizamos um seminário sobre autismo no Teatro Rachel Costa. Até então, as pessoas não tinham conhecimento sobre o que é o projeto, que apresenta resultados, principalmente quando há o acompanhamento profissional”, observou Rodrigues Filho.

O projeto também realiza atividades assistidas nas escolas de Paranaguá e também em outros municípios do litoral, no total foram 25, onde apresentaram um show dog com Naruto e a cachorra Kira.

Continuar lendo
Publicidade