conecte-se conosco

Agronegócio

Paraná terá R$ 13,6 bilhões para a safra 2018/19

R$ 91,5 bilhões poderão ser acessados diretamente pelos produtores rurais e cooperativas (Foto: Divulgação)

Publicado

em

Foi lançado recentemente o Plano Safra 2018/19, através do Banco do Brasil, para a agropecuária brasileira, que está disponibilizando R$ 103 bilhões em crédito rural para custeio, comercialização e investimento. Esse volume de recursos representa um aumento de 20% em relação aos recursos disponíveis pelo banco no ano passado. Desse total, R$ 13,6 bilhões estarão à disposição do Paraná.

O plano foi lançado em Brasília, com transmissão simultânea e oficial nos Estados. Este ano, o Banco do Brasil apresentou como novidade a redução nas taxas de juros de até 1,5 ponto percentual e inovação em tecnologia que permite ao produtor fazer seu crédito na propriedade, sem ter que se deslocar para ir a uma agência.

No Paraná, o lançamento do Plano Safra contou com a presença do secretário estadual da Agricultura e Abastecimento, George Hiraiwa.

O secretário recebeu bem o anúncio de recursos aos agricultores e de mais inovação tecnológica para facilitar a vida do produtor rural. Segundo ele, a solução de impacto hoje no campo para vencer os desafios que se apresentam está na inovação. “Precisamos ampliar o público que trabalha com tecnologia para olhar para o Agronegócio para buscar mais produtividade”, disse Hiraiwa.

Ele lembrou que setores que antes nem olhavam para o campo, como as faculdades de engenharia, de tecnologia da informação, já estão se dedicando a desenvolver soluções para o Agronegócio. É o caso de Londrina, que está sendo considerada o berço das start-ups do País, com cerca de 1.250 empresas de tecnologia, disse.

O secretário destacou, que ao lado do crédito rural, que está sendo disponibilizado pelo banco, e a iniciativa do produtor rural em aderir às novas tecnologias, certamente serão as soluções digitais que estão sendo pensadas para o setor que farão o grande avanço no Agronegócio daqui para frente. “E certamente o Banco do Brasil está capitaneando essas mudanças com sua linguagem de inovação”, afirmou.

As linhas de crédito disponíveis vão priorizar projetos de sustentabilidade e aumento de produtividade no campo (Foto: Divulgação)

PLANO SAFRA 

Os recursos disponibilizados pelo Banco do Brasil representam 60% do Plano Agrícola e Pecuário (PAP) 2018/2019 no País. Na safra 2018/19, os juros disponíveis para a Agricultura Familiar em custeio e investimentos vão variar de 2,5% a 4,6% ao ano e para os demais produtores vão variar de 6 a 7,5% ao ano.

Na safra anterior, os juros para custeio e investimentos variavam de 2,5% a 5,5% ao ano. A novidade é que os encargos financeiros com as taxas de juros serão pós-fixados, uma opção que está sendo dada ao produtor pela primeira vez.
Dos R$ 103 bilhões disponíveis, R$ 91,5 bilhões poderão ser acessados diretamente pelos produtores rurais e cooperativas; R$ 11,5 bilhões por empresas do Agronegócio, dos quais R$ 72,8 bilhões serão direcionados para custeio e comercialização e R$ 18,7 bilhões para investimentos agropecuários.

Dos R$ 13,6 bilhões disponíveis ao Paraná, R$ 2,3 bilhões serão aplicados na Agricultura Familiar, R$ 3 bilhões vão atender os médios produtores e R$ 8,3 bilhões para atender à agricultura empresarial. Ainda sobre esse total, R$ 11,7 bilhões serão direcionados para custeio e comercialização e R$ 1,9 bilhão em investimentos.

As linhas de crédito disponíveis vão priorizar projetos de sustentabilidade e aumento de produtividade no campo.Outra novidade é a digitalização do crédito rural. Os produtores poderão fazer a simulação de financiamento para custeio e investimentos pelo celular. O objetivo é proporcionar comodidade e conforto ao produtor rural ao encaminhar sua proposta sem que precise se deslocar a uma agência.

Participaram da apresentação, Cleiston Oldoni, superintendente Regional do Banco do Brasil em São José dos Pinhais; Elias Zeglin, superintendente da Unidade de Negócios de Varejo do Paraná; e o diretor-presidente do Instituto Emater, Richard Golba.

AEN
 

Continuar lendo
Publicidade

Em alta

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.