conecte-se conosco

Meio Ambiente

Folha do Litoral News receberá o selo ODS 2017

Cerimônia de entrega acontecerá em outubro

Publicado

em

Neste ano, a Folha do Litoral News foi selecionada para receber o selo ODS 2017 pelo Sesi no Paraná. A iniciativa visa a reconhecer, valorizar e divulgar boas práticas realizadas por instituições que atingem algum dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável propostos pela Organização das Nações Unidas.

A Folha do Litoral News atinge o ODS 14: conservar e promover o uso sustentável dos oceanos, mares e recursos marinhos para o desenvolvimento sustentável, por meio do Projeto Mar, realizado desde 2008, o qual veicula peças publicitárias e matérias voltadas para o incentivo à conscientização para questões ligadas ao meio ambiente.

Em 2017, diversas organizações se inscreveram para concorrer dentre uma das cinco categorias listadas no regulamento: indústrias, empresas, Poder Público, instituição de ensino e terceiro setor. Foram 297 inscrições recebidas neste ano, as quais passaram por avaliações para analisar como cumpriam com os ODS.

O selo poderá ser utilizado em materiais de divulgação, além das organizações receberem junto uma certificação. Algumas também foram selecionadas para receber um prêmio. A cerimônia de entrega das certificações e dos prêmios será realizada no dia 17 de outubro como parte do Congresso Sesi ODS em Curitiba.

 

CONQUISTA

A Folha do Litoral News já foi certificada três vezes com o selo ODM (Objetivos de Desenvolvimento do Milênio). Em 2015, houve a transição dos ODM para os ODS, com a ampliação dos objetivos e com um desafio ainda maior.

Segundo a membro do conselho editorial do jornal, Jacqueline Guimbala, a certificação comprova que os meios de comunicação têm um papel importante na formação de opinião pública e divulgação de boas ações. “Quando publicamos uma reportagem ou um projeto como este estamos cumprindo o nosso papel social. Sabemos que a mídia tem responsabilidades quanto ao seu conteúdo e a credibilidade que alcançamos perante os nossos leitores mostra que isso vem sendo cumprido. É primordial em nossa gestão a inclusão de projetos pautados no desenvolvimento sustentável”, assegurou.

 


Jacqueline Guimbala

 

De acordo com o membro do conselho editorial da Folha do Litoral News, Luiz Carlos Bonzatto, é fundamental que todos estejam envolvidos com a causa e dispostos a fazer a diferença. “É importante que todos os setores da sociedade, independente da posição que ocupam, façam a sua parte para que o futuro seja mais próspero e para que todos tenham mais qualidade de vida, pois os ODS abrangem diversos segmentos, nos quais precisam da cooperação e da dedicação de empresas, organizações, entidades e associações para que o mundo seja um lugar mais justo e sustentável. A Folha do Litoral News tem procurado atingir esse objetivo e prosseguir com o Projeto Mar, porque o selo ODS é um reconhecimento que nos motiva a continuar com este trabalho”, afirmou.

 


Luiz Carlos Bonzatto

 

Para Antonio Saad Gebran, membro do conselho editorial do jornal, é gratificante ter um trabalho reconhecido, pois a situação do meio ambiente desafia as empresas a preservar os recursos naturais e, ao mesmo tempo, possibilita um desenvolvimento social justo, permitindo que as sociedades atinjam uma melhor qualidade de vida em todos os aspectos.

“Tanto na preservação como no desenvolvimento social e econômico de uma comunidade. Essa certificação muito nos honra e, de forma especial, enriquece o nosso vínculo com o Estado do Paraná e com o Brasil, além de ultrapassar fronteiras. Enfatizo isso porque o ano de 2015 ficou na história como o ano da definição dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, realizado na ONU”, afirmou Gebran.

 

 

Para a definição dos objetivos foram reunidos líderes mundiais para adotar uma agenda com vista à erradicação da pobreza e ao desenvolvimento econômico, social e ambiental à escala global até 2030, conhecida como Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável. “A Agenda 2030 é fruto do trabalho conjunto de governos e cidadãos de todo o mundo para criar um novo modelo global para acabar com a pobreza, promover a prosperidade e o bem-estar de todos, proteger o ambiente e combater as alterações climáticas e integra os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), sucessores dos 8 Objetivos de Desenvolvimento do Milênio, no qual a Folha do Litoral News também obteve a certificação”, frisou Gebran.

Os ODS deverão ser implementados por todos os países e abrangem áreas diversas, mas interligadas, como: o acesso equitativo à educação e a serviços de saúde de qualidade, a criação de emprego digno, a sustentabilidade energética e ambiental, a conservação e gestão dos oceanos, a promoção de instituições eficazes e de sociedades estáveis e o combate à desigualdade a todos os níveis.

O Projeto Mar da Folha do Litoral News, portanto, objetiva contribuir com a Agenda 2030 agindo regionalmente no ODS 14. “Para nós, é extremamente relevante. Somos uma empresa da cidade de Paranaguá, feita para os parnanguaras e para o litoral paranaense impactando no nosso Estado e Brasil, em função do porto que tem uma posição estratégica de mercado para a economia mundial”, acrescentou Gebran.


“Essa certificação muito nos honra e, de forma especial, enriquece o nosso vínculo com o Estado do Paraná e com o Brasil”, afirmou o membro do conselho editorial deste jornal, Antonio Saad Gebran Sobrinho

 

 

ENGAJAMENTO DE TODOS OS SETORES

De acordo com Gebran, um País que não tem empresários organizados, trabalhadores, sindicatos, representantes dos estudantes, da sociedade civil, intelectuais, jornalistas, não tem o tecido social para sustentar a mudança e estar atualizado e atento às necessidades da nação e do seu povo.

“E isto começa na rua da nossa casa e se estende aos Três Poderes. Acredito que esse desafio é dos governos e dos governantes, é um desafio dos Três Poderes, dos empresários, do agricultor, do homem do campo, da marinha mercante, do homem do mar, do pescador, dos serviços, do setor de educação, ciência e tecnologia. E ele precisa de vontade política, de diálogo franco com o nosso povo, à luz do dia, necessita de parceria. E a parceria público-privada é sim salutar, desde que seja transparente, eficiente e atenda a uma demanda de interesse social”, enfatizou Gebran.

A Folha do Litoral News agradece a todos os colaboradores e gestores do Projeto Mar, bem como, aos apoiadores que são imprescindíveis para o engajamento do projeto, como as empresas Cattalini Terminais Marítimos, Rocha Terminais Portuários, Multitrans, Fospar e Mosaic.

 

SOBRE OS ODS

Os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) foram destaque da Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), realizada em setembro de 2015 em Nova Iorque. Protagonistas na Agenda 2030 da ONU, são uma evolução dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM) e têm foco em cinco Ps – pessoas, planeta, prosperidade, paz e parcerias – para que a humanidade chegue a 2030 com desenvolvimento sustentável. Caso contrário, serão necessários três planetas Terra para atender aos atuais padrões de consumo em menos de 35 anos. No Paraná, o Sesi é um dos principais agentes a trabalhar em prol dos ODS e de sua divulgação.

O acordo contempla 17 Objetivos e 169 metas, envolvendo temáticas diversificadas, como erradicação da pobreza, segurança alimentar e agricultura, saúde, educação, igualdade de gênero, redução das desigualdades, energia, água e saneamento, padrões sustentáveis de produção e de consumo, mudança do clima, cidades sustentáveis, proteção e uso sustentável dos oceanos e dos ecossistemas terrestres, crescimento econômico inclusivo, infraestrutura e industrialização, governança e meios de implementação.

 

SESI PARANÁ

Desde 2004, o Sesi no Paraná lidera no Estado o trabalho de divulgação, mobilização e acompanhamento dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM). Os 10 anos de trabalho tornaram o Sesi referência e, desde 2015, com a aprovação da Agenda 2030 da ONU, encabeça a promoção dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) no Paraná.

 

SISTEMA FIEP

O Sistema Fiep é composto pela Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep), Serviço Social da Indústria (Sesi), Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) e Instituto Euvaldo Lodi (IEL). As instituições trabalham integradas em prol do desenvolvimento industrial. Com linhas de atuação complementares, realizam a interlocução com instâncias do Poder Público, estimulam o fomento de negócios nacionais e internacionais, a competitividade, a inovação, a tecnologia e a adoção de práticas sustentáveis, e oferecem serviços voltados à segurança e saúde dos trabalhadores, à educação básica de crianças, jovens e adultos, à formação e aperfeiçoamento profissional, além de capacitação executiva.

 

 

Publicidade










plugins premium WordPress