conecte-se conosco

Trânsito

Motorista parnanguara morre em acidente de caminhão na BR-277

O acidente envolvendo quatro caminhões aconteceu no KM 39, da BR-277, nas pistas sentido litoral, na região de Morretes

Publicado

em

Juliano Miranda da Silva, de 42 anos, morador na Ilha dos Valadares, morreu no começo da tarde desta terça-feira, 22, após o caminhão que ele conduzia bater em outros três veículos de carga que seguiam pela BR-277, no KM 39, região de Morretes.

O acidente aconteceu nas pistas sentido litoral. Com o impacto a cabine do caminhão onde Juliano estava, ficou completamente destruída. O veículo pertence a uma empresa que trabalha com balanças industriais.

A cabine do caminhão conduzido por Juliano Miranda da Silva, morador na Ilha dos Valadares, em Paranaguá, ficou completamente destruída

O corpo do motorista ficou preso nas ferragens e foi resgatado por guarnições do Corpo de Bombeiros. Socorristas do SAMU – Serviço de Atendimento Móvel de Urgência e policiais rodoviários federais também atenderam a ocorrência.

De acordo com testemunhas, o veículo conduzido pela vítima bateu na traseira de um caminhão tanque e logo em seguida, colidiu também com a parte de trás de uma carreta carregada com farelo de soja e de um bitrem.

Peças que eram transportadas pelo caminhão conduzido por Juliano, cada uma com 500 quilos, ficaram espalhadas pela rodovia.

Durante o atendimento da ocorrência, as pistas no sentido litoral ficaram totalmente bloqueadas. O fluxo de veículos na rodovia foi liberado por volta das 17h.

Os outros motoristas envolvidos no acidente não sofreram ferimentos.

Outros três veículos de carga se envolveram no acidente. Equipes da Polícia Rodoviária Federal, do Corpo de Bombeiros e do SAMU atenderam a ocorrência

IML

Após a perícia realizada no local do acidente, o corpo de Juliano Miranda da Silva, foi encaminhado para o IML – Instituto Médico Legal, em Paranaguá.

Familiares estiveram na sede do órgão e providenciaram a documentação necessária para a liberação do corpo.

As causas do acidente estão sendo apuradas pela Polícia Rodoviária Federal.