conecte-se conosco

Trânsito

Contenção do km 41 da BR-277 vai ganhar mais reforços

Guindaste será retirado no feriado

Publicado

em

Foto: DER

Após análise de geólogos e geotécnicos, a obra de contenção da encosta da BR-277 no km 41, no Litoral, vai ganhar mais reforços, visando garantir a estabilidade do paredão rochoso, atingido por queda de barreira no final do ano passado. O Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER/PR) é o responsável pela obra, após acordo com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), que não contava com os recursos necessários à época.

A perfuração da rocha para implantação de grampos de aço e nata de cimento foi ampliada de 220 pontos para 275, sendo que faltam apenas 10 para atingir a nova marca, com os novos furos concentrados no topo da encosta danificada. E a extensão da tela metálica de alta resistência passou de 718 m² para 812 m².

Com isso, a previsão de término da obra de contenção é para 15 de abril, já com a retirada do guindaste do DER/PR e liberação das faixas de tráfego. Na sequência será finalizada a desmobilização da obra, com retirada dos demais equipamentos do acostamento da rodovia, encerrando definitivamente a intervenção no km 41.

FERIADO 

Visando melhorar as condições de trafegabilidade da rodovia durante o feriado prolongado da Páscoa (7 de abril), o DER/PR vai retirar o guindaste do trecho na véspera, garantindo fluidez nas quatro faixas de rolamento do km 41. O equipamento deve voltar somente na segunda-feira.

CONCLUÍDA 

Guindaste será retirado no feriado

O DER/PR já concluiu os serviços de contenção definitiva da encosta da BR-277 no km 39 em março. Após limpeza e retirada de materiais, foi instalada e fixada uma tela ecológica de contenção, dispositivo de alta resistência que permite o plantio de vegetação no local, o que também ajuda a evitar novos escorregamentos. Já foram retirados o muro de solo-cimento e as barreiras de concreto New Jersey do acostamento, dispositivos para conter possíveis novos escorregamentos durante a execução da obra.

OBRAS DO DNIT 

O DNIT mantém a obra de recuperação do km 42, primeiro local atingido pelas chuvas no ano passado, tendo registrado inclusive escorregamento de rochas, e no km 33, local com fendas possivelmente causadas por danos no talude de aterro, sob o pavimento da rodovia federal.

BLOQUEIOS 

Conforme divulgado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), a BR-277 no Litoral terá novamente bloqueios de veículos de carga articulados (carretas, cegonhas, bitrens, etc) neste final de semana, entre o km 30 (viaduto de Morretes) ao km 60 (antiga praça de pedágio) em horários e sentidos específicos.

Confira o planejamento:

6/04/23 – das 14h às 20h – sentido Paranaguá

7/04/23 – das 6h ao meio-dia – sentido Paranaguá

9/04/23 – das 14h às 20h – sentido Curitiba

10/04/23 – das 6h ao meio-dia – sentido Curitiba.

Fonte: AEN

Em alta