Connect with us

Segurança

Paraná lança campanha contra violência infantil

Uma simples atitude que pode salvar a vida de uma criança

Publicado

em

violência infantil

Você sabe o que caracteriza o crime de violência infantil? Abandono, negligência, trabalho infantil, agressão física, psicológica e moral, além de abuso sexual, são situações que qualquer cidadão pode ficar atento e tomar uma simples atitude que pode salvar a vida de uma criança: denunciar, anonimamente, no Disque Denúncia 181, do Governo do Paraná. Para alertar sobre a importância da denúncia, a Secretaria de Estado da Segurança Pública iniciou neste mês uma campanha com o objetivo de sensibilizar e conscientizar a sociedade quanto à importância de denunciar este crime.

Ainda que a maioria da população silencie, há quem ultrapasse as barreiras do medo e não se cale: entre janeiro e setembro deste ano, 953 pessoas entraram em contato com o 181 e relataram alguma situação de violência infantil no Paraná.

O número, maior do que o registrado no mesmo período de 2019 – quando houve 903 denúncias – revela que, em média, três denúncias de violência contra crianças foram feitas por dia no Estado.

Embora os dados apontem um aumento de 5,5% de denúncias no comparativo com os mesmos meses do ano anterior, segundo o secretário estadual da Segurança Pública, Romulo Marinho Soares, o número poderia ser maior. “Infelizmente, sabemos que a violência contra nossas crianças é quotidiana e enraizada em muitas famílias e ambientes. Porém, é preciso que a sociedade entenda que isto é crime, não educa e ainda acarreta marcas que elas levarão para toda sua vida”, disse.

De acordo com o Art. 227 da Constituição Brasileira, além da família e do Estado, é dever da sociedade garantir às crianças, entre vários direitos, a preservação delas contra a negligência, discriminação, exploração, violência, crueldade e opressão. “As crianças são o nosso futuro, elas precisam ter bons exemplos e ter a integridade, tanto física como psicológica, respeitada. Por isso, buscamos que essa campanha chegue até as pessoas para que se conscientizem da importância da proteção e dos cuidados com as crianças, fazendo as denúncias”, destacou o coordenador do Disque Denúncia 181, capitão PM André Henrique Soares.

Anonimato

O anonimato do denunciante é a essência do Disque Denúncia 181. As denúncias garantem que os casos possam ser devidamente apurados e as crianças vítimas sejam salvas em tempo, bem como que os agressores sejam presos.

“O anonimato do canal Disque Denúncia 181 é, justamente, para que a pessoa se tranquilize, porque ela e o número telefônico não vão ser identificados, isso sequer vai ser perguntado. Então em todo e qualquer local que haja algum indício de que a criança esteja sendo violada, não importa a forma, as pessoas precisam denunciar”, enfatizou o coordenador.

Ainda de acordo com a Secretaria, o denunciante precisa ter conhecimento sobre as informações do que possa estar acontecendo antes de denunciar. É importante saber informar o local, quem é a vítima, em qual família está acontecendo a irregularidade e ter dados mínimos para que os servidores do Disque Denúncia 181 possam formular a denúncia no sistema.

Outro pilar importante para o programa é que a população tenha fácil acesso ao Disque Denúncia 181. Seja pela ligação simples e gratuita ao número, ou por alguns cliques no site oficial do Disque Denúncia (www.181.pr.gov.br), todo e qualquer cidadão, seja qual for a região do Estado, pode dar o primeiro passo em prol de um futuro melhor, efetuando uma denúncia anônima.

Sinais de Violência

Barulhos incomuns na residência, criança com aparência física e emocional abalada são alguns dos aspectos que devem ser observados e denunciados, além de quando há conhecimento de agressões, trabalho infantil, abusos sexuais e quaisquer outros tipos de abusos.

“Além da agressão física, a verbal, a psicológica e a sexual são pontos que caracterizam o crime, como previsto no Estatuto da Criança. Qualquer clima que seja exagerado, gritos excessivos, algum tipo de lesão que não seja do dia a dia, mas que seja um hematoma, por exemplo, tudo isso precisa ser observado e denunciado. Não só no aspecto comprovado (no qual se verifique que houve um crime), mas também em ações preventivas, para que as forças de segurança possam investigar”, afirmou o capitão André Henrique Soares.

A Campanha

A Secretaria da Segurança Pública iniciou a campanha, estrategicamente, no mês de outubro, no qual é comemorado o Dia das Crianças. Uma série audiovisual com três episódios, apresentados nas mídias digitais da Sesp, aborda dados estatísticos e situações de violência infantil com o objetivo de sensibilizar e empoderar familiares, vizinhos e conhecidos da criança, a denunciar os crimes anonimamente no Disque Denúncia 181.

O primeiro episódio, “Isso também é problema seu”, já está disponível no site (www.seguranca.pr.gov.br/Video), no Facebook) (www.facebook.com/sespparana/posts/3765548000130712) e no Instagram da Secretaria da Segurança (www.instagram.com/segurancaparana/).

Fonte: AEN

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.