conecte-se conosco

Polícia

Receita Federal realiza ação de combate ao contrabando e descaminho em guarda volumes de Curitiba

A Receita Federal realizou a ação de fiscalização em estabelecimentos comerciais conhecidos com “Self Storage” (guarda volumes) instalados na capital do estado

Publicado

em

Servidores da Receita Federal deflagraram na segunda-feira, 21, uma ação de fiscalização em estabelecimentos comerciais conhecidos com “Self Storage” (guarda volumes) instalados na capital do estado. 

A mobilização das equipes resultou na retenção de 800 unidades de vinhos argentinos de valor estimado de R$ 80.000,00, sem comprovação regular importação.  

As mercadorias foram retidas em um box, após trabalhos prévios de seleção e análise de risco das equipes de vigilância e repressão aduaneiras da Receita Federal.

A Receita Federal realizou a ação de fiscalização em estabelecimentos comerciais conhecidos com “Self Storage” (guarda volumes) instalados na capital do estado

Em outro box, no mesmo depósito, foram identificados volumes contendo bebidas com suspeita de descaminho. Neste caso, foi adotado o procedimento de lacração do local e intimação ao responsável para comparecimento, apresentação da documentação fiscal respectiva e abertura do espaço de depósito no prazo máximo de 48 horas, para continuidade da ação fiscalizatória. 

GUARDA-VOLUMES

A instalação desse tipo de estabelecimento comercial, que serve de depósito, tem apresentado grande crescimento, especialmente em cidades de médio/grande porte, onde são utilizados para armazenamento de documentos, móveis e outros bens, tanto de pessoas físicas quanto de empresas.

Em um dos depósitos os servidores encontraram 800 unidades de vinhos argentinos de valor estimado de R$ 80.000,00, sem comprovação regular importação