conecte-se conosco

Polícia

Receita Federal e Marinha do Brasil realizam operação conjunta de combate ao tráfico de drogas

Operação conjunta realizada durante a semana inspecionou navios nos portos de Itapoá e Itajaí

Publicado

em

Os mergulhadores da Marinha do Brasil realizaram a inspeção dos “sea chests” dos navios que estavam atracados em ambos os portos. Os “sea chests” são compartimentos naturais nos cascos dos navios, que ficam submersos, e podem ser utilizados por criminosos para inserção de cocaína para envio ao exterior.

Com a presença fiscal e com o aumento da fiscalização e das apreensões de drogas pela Receita Federal nos portos brasileiros os criminosos têm diversificado as maneiras de envio desta cocaína para o exterior, com isso, há a necessidade de ampliar as áreas de fiscalização para combate a este tipo de crime. Não foram encontradas drogas nas vistorias realizadas.

Apenas neste ano de 2021, a Receita Federal já apreendeu aproximadamente 2 toneladas de cocaína nos portos catarinenses. Foram três apreensões no Porto de Itapoá e duas apreensões nos Portos de Itajaí.

Fonte e fotos: Receita Federal

Em alta