conecte-se conosco

Polícia

Litoral registra o primeiro caso de feminicídio de 2022

Um homem, de 44 anos, é o principal suspeito do crime

Publicado

em

O município de Pontal do Paraná registrou na noite de domingo, 9, por volta das 21h, o primeiro caso de feminicídio na região. Rosemeri Vânia Bonifácio, de 29 anos, foi morta a facadas, dentro da casa onde morava com o companheiro, no balneário Ipanema. O homem, de 44 anos, é o principal suspeito do crime.

DESENTENDIMENTOS

De acordo com familiares, Rosemeri estaria morando com o companheiro em um imóvel, na Rua Juscelino Kubistchek, onde o crime aconteceu.

Ainda de acordo com familiares da vítima, o casal tinha um histórico de desentendimentos e brigas. Na semana anterior, Rosemeri teria sido esfaqueada pelo companheiro. O golpe atingiu uma das pernas da vítima.

Rosemeri Vânia Bonifácio foi esfaqueada dentro da casa onde morava com o companheiro, no balneário de Ipanema, em Pontal do Paraná. FOTO: Acácio Murilo

SOCORRO

Na noite de domingo, 9, populares que caminhavam pela via encontraram Rosemeri caída na calçada, toda ensanguentada.

Uma equipe da Polícia Militar que realizava patrulhamento em uma praça, nas proximidades, foi acionada e constatou o fato.

Socorristas do SIATE – Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência, do Corpo de Bombeiros foram até o endereço indicado e diante da gravidade do caso, encaminharam Rosemeri para o PA – Pronto Atendimento, instalado no balneário de Shangri-lá, onde ela morreu.

Ao perceberem a movimentação de viaturas da Polícia Militar e da ambulância do SIATE, vizinhos de Rosemeri saíram de casa e relataram terem ouvido gritos de socorro vindos do imóvel onde ela morava. Eles contaram também que flagraram o companheiro da vítima correndo pela via. Equipes intensificaram o patrulhamento pela região, mas o indivíduo não foi localizado.

FORAGIDO

Durante a identificação do suspeito, os policiais constataram que o companheiro de Rosemeri tinha um mandado de prisão em aberto.

Valter Luiz Prim, de 44 anos, saiu da cadeia por conta do indulto de Natal e não retornou.

FACA

A faca suja com sangue usada no crime foi encontrada dentro da casa onde a vítima morava

Dentro da casa onde Rosemeri foi esfaqueada, os policiais encontraram embaixo de um colchão, na sala do imóvel, uma faca suja com sangue. Os militares recolheram também uma carteira com documentos do suspeito. 

Todo o material foi entregue no plantão da Polícia Civil, que segue com as investigações.