Connect with us

Polícia

Em menos de seis horas, PM apreende duas armas de fogo no litoral

A arma apreendida em Paranaguá estava com um rapaz de 19 anos. Uma denúncia anônima levou os policiais até o bairro Labra, onde o indivíduo foi abordado

Publicado

em

Equipes da Polícia Militar, que atuam no litoral do Estado, apreenderam, em menos de 6 horas, duas armas de fogo na região. As ocorrências foram registradas em Paranaguá e Pontal do Paraná. Dois indivíduos foram encaminhados para delegacias de Polícia Civil.

Labra

A primeira arma apreendida, um revólver calibre .38, com quatro munições intactas, estava com um rapaz de 19 anos, abordado por equipes da ROTAM – Rondas Ostensivas Tático Móvel, na noite de quarta-feira, 23, por volta das 19h, na Rua Maria Amaral Barbosa, no bairro Labra, em Paranaguá.

Acionados pela central 190 da corporação, os policiais foram até o endereço indicado, onde um indivíduo estaria armado. Populares relataram que o suspeito estava em um carro e portava uma arma de fogo.

Ao se aproximar do local, na frente de um ferro velho, os policiais visualizaram o veículo suspeito e realizaram a abordagem. 

Durante o procedimento, o rapaz, que estava no interior do carro, jogou o revólver no chão. A arma e as munições foram apreendidas.

Indagado sobre a situação, o indivíduo disse que usava a arma para proteção pessoal. O rapaz recebeu voz de prisão.

Chácara São Pedro

A segunda arma apreendida, também um revólver calibre .38, com seis munições intactas, foi apreendido por equipes da RPA – Rádio Patrulha Auto, no começo da madrugada de quinta-feira, 24, na região conhecida como Chácara São Pedro, em Pontal do Paraná.

Os policiais foram acionados pelo COPOM – Centro de Operações Policiais Militares, para averiguar uma situação de violência doméstica, na Rua Mamorés.

De acordo com a informação repassada pelo solicitante, um homem armado estava agredindo a esposa. O suspeito teria entrado em uma caminhonete S-10, cor azul e fugido do local.

Imediatamente a região foi cercada e o veículo localizado na frente de uma distribuidora de bebidas, no balneário Canoas. Ao lado da caminhonete estavam dois homens.

A dupla foi abordada e o veículo vistoriado. 

Dentro da caminhonete, escondido em uma bolsa entre os bancos, os policiais encontraram o revólver municiado.

Indagados sobre a situação, um dos abordados assumiu ser o dono da arma. 

O homem, de 46 anos, que já tem passagens pela polícia por posse irregular de arma de fogo e violência doméstica recebeu voz de prisão.