Connect with us

Polícia

Acusado de estelionato é preso com armas e drogas em Guaratuba

Na casa onde Alef Caio Machado Melo foi abordado, os policiais encontraram duas armas

Publicado

em

Durante um patrulhamento de rotina, realizado na noite de quinta-feira, 13, equipes da ROTAM – Rondas Ostensivas Tático Móvel, da Polícia Militar, que atuam em Guaratuba, apreenderam duas armas de fogo, porções e uma planta de maconha, material usado para preparar e embalar o entorpecente, diversos chips para celular, documentos e certa quantia em dinheiro. Um rapaz foi preso.

Alef Caio Machado Melo, de 26 anos, foi flagrado pelos policiais fumando um cigarro de maconha, na frente de uma casa, na Avenida dos Guarás, no bairro Piçarras.

Abordado e revistado, com ele as equipes encontraram um revólver calibre .38. A arma estava na cintura de Alef. 

Indagado sobre a situação, o rapaz confessou que dentro da casa, onde mora, outra arma estava escondida.

Durante a revista no interior do imóvel, os policiais encontraram outro revólver calibre .38.

Estelionato

Enquanto faziam buscas dentro da residência, as equipes encontraram, em cima de uma mesa, um notebook ligado e com a tela principal aberta. Ao verificar o equipamento, os policiais constataram que o computador estava sendo usado por Alef para aplicar golpes com relação ao saque emergencial do FGTS.

O rapaz confessou que usava o notebook para enganar instituições financeiras e que já teria feito várias vítimas. Ao lado do computador, os policiais encontraram chips para celular e muitos documentos pessoais, além de certa quantia em dinheiro e um pé de maconha.

Ainda durante as buscas realizadas na casa, as equipes apreenderam buchas de maconha, embaladas e prontas para comercialização, uma balança de precisão e celulares. Duas máquinas para cartão também foram apreendidas.

Alef disse aos policiais que vendia o entorpecente apenas para pessoas conhecidas, tentando, assim, evitar aglomeração na frente da sua residência. Com relação às armas apreendidas, relatou que eram para sua segurança pessoal.

Diante da situação e do material apreendido, Alef Caio Machado Melo recebeu voz de prisão e foi encaminhado para o plantão da Polícia Civil, onde foi autuado por falsificação de documento particular, envolvimento com o tráfico de entorpecentes, porte ilegal de arma de fogo e estelionato. O rapaz ficou recolhido na carceragem da unidade policial à disposição da Justiça.