conecte-se conosco

Litoral

Frente fria se aproxima do litoral paranaense

Previsão indica grandes volumes de chuva na região nesta semana

Publicado

em

A previsão do tempo indica que, até a sexta-feira, 13, o litoral paranaense irá registrar um grande volume de chuvas. O mesmo deve se repetir no litoral de São Paulo e Santa Catarina. Paranaguá deve ter mínima de 14°C e máxima de 16°C na quarta-feira, 11.

O Climatempo divulgou o alerta de um acumulado de chuva do litoral de Santa Catarina até São Paulo entre os dias 11 e 13 de agosto, que pode superar o volume esperado para todo o mês.

“Simulações de modelos atmosféricos indicam totais de 70 a 130 mm acumulados neste período, o que representa muito mais do que média de chuva normal para todo o mês de agosto. A região mais provável de ter os maiores volumes acumulados, com totais da ordem de 100 mm, é entre Santos (SP) e Florianópolis (SC)”, informou o Climatempo.

O motivo para os grandes volumes de chuva, segundo a meteorologia, é a passagem de uma frente fria seguida de forte circulação de ar marítimo, provocada por um grande sistema de alta pressão atmosférica de origem polar que permanecerá sobre o mar por alguns dias.

O alerta maior é quanto a possibilidade de transtornos, como alagamentos e deslizamentos de terra nas faixas litorâneas indicadas.

Simepar

O Sistema de Tecnologia e Monitoramento Ambiental do Paraná (Simepar) divulgou na terça-feira, 10, por volta das 14h, que a aproximação de uma frente fria já induzia o aumento de nebulosidade sobre o oeste e sudoeste do Paraná, o que contribuiu para que as temperaturas não se elevassem tanto. Nas demais regiões, o tempo seguiu estável e com o predomínio de sol, o que favoreceu a elevação das temperaturas.

A temperatura mínima, segundo o Simepar, em Paranaguá, deve ser de 13°C e a máxima de 16°C, até a sexta-feira, 13. No fim de semana ainda podem ocorrer pancadas de chuva.

Quebra de recordes

O mês de julho teve quebra de recordes de temperatura mínima do ar no Paraná. Os últimos dias do mês foram marcados pelo predomínio de uma intensa massa de ar frio e seco. Nesta onda de ar frio, no período de 27 a 31 de julho, foram registradas temperaturas negativas em 36 municípios de todas as regiões paranaenses.

“Em vários municípios das Regiões Oeste, Sudoeste, Sul, Centro e Campos Gerais foram 3 dias seguidos com temperaturas negativas. Os menores valores ocorrem em Guarapuava e Ponta Grossa, -4,3 °C, Cascavel, -4,1 °C, Palmas -5,4 °C e General Carneiro (INMET), -7,3 °C. Em Curitiba a menor temperatura foi de -0,8 °C, 30 de julho de 2021, porém não houve quebra de recorde histórico, -2,6 °C em 17 de julho de 2000”, informou o Simepar.

Continuar lendo
Publicidade

Em alta